Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

13 Outubro de 2017 | 10h13 - Actualizado em 13 Outubro de 2017 | 10h13

Cuando Cubango: Recém-nascido devolvido ao convívio familiar

Menongue - O Serviço de Investigação Criminal (SIC) no Cuando Cubango devolveu em Menongue, esta semana, ao convívio da mãe biológica uma bebé recém-nascida de uma semana de vida, depois de ter sido raptada por duas supostas cidadãs locais.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Cuando Cubango: Paulo Dias de Novais - Porta-voz provincial do SIC

Foto: Armando Morais

A informação foi dada a conhecer quinta-feira, em Menongue, em declarações à imprensa, pelo porta-voz do SIC no Cuando Cubango, Paulo Dias de Novais, depois de apresentação de 17 supostos marginais acusados de diversos crimes, um dos quais de rapto.

Assegurou que, depois do bebé ter sido encontrado, foi levado ao Hospital Geral do Cuando Cubango, onde foi submetido a cuidados médicos para detecção de uma possível patologia, mas que feito o diagnóstico o recém-nascido goza de sua saúde.

O responsável precisou que o caso ocorreu na madrugada do dia 04 do mês em curso, a mãe biológica (Catarina Canona, solteira de 18 anos de idade), residente no bairro Saprinho, arredores de Menongue, deu conta da ausência da bebé no seu quarto.

Depois de um exaustivo trabalho criminal foi possível obter informações operativas que davam conta da existência de uma cidadã no bairro Boa Vida, aflita com um bebé que não amamentava.

Segundo disse, assim suspeitava-se não ser dela por não ter sido vista, na vizinhança, em estado de gestação, pelo que passados três dias, foram determinadas as supostas autoras do crime.

Foram, por isso, detidas as duas cidadãs identificadas por Cecilia José Binha, de 23 anos e Maria de Fátima Miguel, de 17 anos de idade, naturais de Menongue (Cuando Cubango) e Lubango (Huíla), residentes em Menongue, no bairro Saprinho.

De acordo com o porta-voz, foi encontrado em posse da primeira detida, de 24 anos de idade, que indignada acusou a segunda de 17 anos, como sendo a raptora.

Leia também
  • 19/03/2018 12:35:32

    Pai acusado da morte da filha de 10 anos

    Menongue - Um agente de 1ª da Polícia Nacional no Cuando Cubango de nome Joaquim Augusto foi acusado este fim-de-semana, de ter causado a morte, por espancamento, da sua filha de 10 anos de idade.

  • 17/03/2018 19:11:50

    Desentendimento entre casal provoca morte de uma menor

    Menongue - Uma menor de 4 anos de idade perdeu a vida este mês, no bairro Futungo, arredores da cidade de Menongue, capital do Cuando Cubango, devido ofensas corporais e o desentendimento entre os pais da criança.

  • 15/03/2018 16:00:34

    Antigos combatentes solicitam revisão de subsídios de sangue

    Menongue - Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria e Ex-militares do Cuando Cubango nomeadamente deficientes de guerra, viúvas, órfãos, entre outros, solicitaram hoje, quinta-feira, em Menongue, a necessidade do Executivo rever a atribuição do subsídio de pensão sangue, visando a melhoria

  • 15/03/2018 12:00:52

    Secretário de Estado defende recenseamento de antigos combatentes

    Menongue - Os antigos combatentes e veteranos da pátria espalhados por todo o país devem recensear-se para usufruírem dos seus direitos legítimos, defendeu o secretário de Estado do sector, Clemente Conjuca.