Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

15 Dezembro de 2019 | 18h32 - Actualizado em 15 Dezembro de 2019 | 18h32

IECA dispõem de 77 escolas no país

Cuito - Setenta e sete escolas missionárias, afectas a Igreja Evangélica Congregacional de Angola (IECA), funcionam no país, desde 1975 até a presente data, informou o secretário-geral desta congregação, André Cangovi Eurico.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Bié: André Cangovi Secretário-Geral da IECA em Angola

Foto: Leonardo Castro

Bié: Pereira Alfredo- Governador provincial testemunha inauguração do Templo sede da Betânia

Foto: Leonardo Castro

O reverendo teceu este pronunciamento hoje (domingo) à imprensa, na cidade do Cuito, província do Bié, após ter presidido o culto que marcou a inauguração do Templo sede da Betânia, na capital biena.

De acordo com o responsável, até finais de Janeiro de 2020, outras três instituições de ensino poderão entrar em funcionamento nas províncias do Cuando Cubango e Bié, com a missão de ajudar o Estado, na inserção de mais crianças no sistema normal de ensino.

Sem avançar o número de unidades sanitárias, disse que a instituição religiosa está focada na manutenção dos hospitais e centros missionários existentes, de modo a dotá-los com condições técnicas favoráveis, assegurando assim uma assistência médica e medicamentosa eficaz, nas missões de Chilesso e Chissamba(Bié) Bailundo e Dondi na província do Huambo.

Nesta conformidade, o reverendo louvou o papel desempenhado pelo Governo Angolano,na expansão dos serviços de saúde cada vez mais próximo das populações, com a construção ano-pós-ano de novos hospitais, centros e postos de saúde.

Entretanto, o Governador do Bié, Pereira Alfredo, que testemunhou a inauguração do Novo templo da Betânia, situado no bairro Piloto, arredores do Cuito, disse estar consciente do trabalho que a IECA tem prestado em prol das comunidades nos ramos da educação e saúde, mormente na expansão do Evangelho visando a pacificação das mentes.

O Governante, garantiu, na ocasião, entregar, nos próximos dias, trezentas carteiras escolares a esta congregação, para o apetrecho de uma escola missionária de dez salas de aulas afecta ao Sidónio da Betânia, que vai albergar 1.500 alunos da iniciação à 9ª classe.

A IECA foi formada pela união do trabalho iniciado em 1880 pela Junta Americana de Comissionados para Missões Estrangeiras, actualmente Igreja Unida de Cristo, e a missão iniciada em 1886 pelas Igrejas Congregacionais do Canadá actualmente, Igreja Unida do Canadá.

Em 1940 foi aberta uma escola teológica, e a graduação de vários pastores resultou em um significativo crescimento e desenvolvimento na vida da Igreja. Durante o período de 1957até a independência de Angola em 1975.

Assuntos Província » Bié   Sociedade  

Leia também
  • 15/12/2019 13:38:09

    Lunda Sul: Endiama solidariza-se com população de Caxita e Muandondji

    Saurimo - A Empresa Nacional de Diamantes de Angola (Endiama EP), solidarizou-se hoje, domingo, com a população dos bairros Caxita e Muandondji, município de Saurimo (Lunda Sul), através da entrega de bens alimentares de primeira necessidade, roupa usada e brinquedos para crianças, no quadro do Natal Solidário.

  • 14/12/2019 20:13:53

    APEGADA controla mais de 500 crianças autistas no país

    Luanda - Quinhentas e noventa e seis é o número de crianças autistas registadas em todo país, pela Associação Angolana de Apoio a Pessoas Autistas e Transtornos Globais de Desenvolvimento (APEGADA).

  • 14/12/2019 17:18:33

    Governador solidariza-se com desfavorecidos da 'Aldeia Nissi' no Cunje

    Cuito - O governador do Bié, Pereira Alfredo, solidarizou-se hoje, sábado, na comuna do Cunje a sete quilómetros a norte do Cuito, com pessoas desfavorecidas confinadas na 'Aldeia Nissi', através da entrega de bens alimentares de primeira necessidade e roupa usada, no quadro do Natal Solidário.