Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

30 Outubro de 2019 | 13h36 - Actualizado em 30 Outubro de 2019 | 14h22

PCA reitera aposta na melhoria das condições de trabalho

Luanda - O Conselho de Administração da Agência Angola Press (ANGOP) vai continuar a apostar na contínua melhoria das condições de trabalho e remuneratória dos trabalhadores, reafirmou, nesta quarta-feira, o responsável máximo da empresa, Josué Isaías.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

PCA da ANGOP, Josué Isaías Salusuva

Foto: Nelson Malamba

O Presidente do Conselho de Administração destacou o seguro de saúde, cujo acordo será assinado nos próximos dias e os respectivos cartões disponibilizados, as obras de requalificação das redacções e do centro de dados, em fase de conclusão e aguardando o respectivo mobiliário.

Falando durante o almoço com os trabalhadores e convidados, por ocasião dos 44 anos da empresa (30 de Outubro), o PCA destacou igualmente o qualificador ocupacional, cujo instrumento foi elaborado em tempo recorde e homologado pelo Ministério da Administração Pública, Trabalho e Segurança Social (MAPTSS).

Constituem igualmente prioridade, o processo de circulação de saldos para verificação das dívidas com os fornecedores internos e externos, bem como dar continuidade a execução da linha editorial da ANGOP, de acordo com a orientação do Governo.

O prosseguimento do ciclo de formação de jornalistas, técnicos e administrativos e a continuação da negociação com financiadores para a construção do edifício sede constam das apostas da agência, referiu.

“Para frente, muitos outros desafios se impõem como o da instalação de uma agência produtora de produtos multimédia para distribuição de conteúdos mediante pré-pagamento”, realçou.

Fizeram parte do programa de actividadades a actuação da cantora gospel Solange de Nery e a apresentação do Prémio ANGOP, pelo Administrador para a Área de Conteúdos, José Chimuco.

Também se assistiu a exibição de um grupo de dança de trabalhadores da agência, a entrega de prémios aos vencedores dos torneios internos de xadrez, sueca e damas, assim como as exibições dos cantores Toya Alexandre e Acácio.

As festividades dos 44 anos da ANGOP tiveram início a 16 deste mês com a palestra “Autarquias: O que se espera dos jornalistas – Contribuição da Comunicação Social”.

Seguiram-se as palestras sobre “A reforma e os seus tabus” e “A Liberdade de imprensa e o acesso às fontes e dados”.

Durante esse período foram igualmente realizados torneios de xadrez, sueca e damas, bem como de futebol salão.

A Agência Angola Press, abreviadamente designada por ANGOP, é uma empresa pública dotada de personalidade jurídica e de autonomia administrativa, financeira e patrimonial.

É a única agência de notícias do país e tem como objectivo recolher, tratar e distribuir, em regime exclusivo, tanto em Angola, como no exterior, notícias com base numa informação objectiva sobre a actualidade nacional e internacional.

Assuntos Angop   Sociedade  

Leia também
  • 30/10/2019 18:11:42

    MPLA felicita Angop

    Luanda - O Secretariado do Bureau Político do Comité Central do MPLA felicitou o Conselho de Administração da Angop, os seus jornalistas e colaboradores pela adopção de medidas que têm resultado no melhoramento da qualidade do serviço público de informação prestado à sociedade angolana.

  • 30/10/2019 15:13:02

    FAO assiste 2 mil e 500 famílias na Huíla e Cunene

    Lubango - Duas mil e 500 famílias das províncias da Huíla e do Cunene estão a ser assistidas pelo Fundo das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO), com a distribuição de sementes e implementação de pequenas hortas, no âmbito do projecto de intervenção e resposta à seca das Nações Unidas, informou à imprensa fonte institucional.

  • 30/10/2019 14:16:16

    Jovens vítimas de picadelas de cobra em Cambambe

    Ndalatando - Dois jovens morreram, nesta quarta-feira, na cidade do Dondo, município de Cambambe, província do Cuanza Norte, vítimas de mordedura de uma cobra.

  • 30/10/2019 14:11:22

    Queda de mamoeiro mata criança no Tomboco

    Mbanza Kongo - Uma criança de oito anos de idade morreu terça-feira, na vila do Tomboco, província do Zaire, em consequência da queda de um mamoeiro ocorrida no interior de um quintal.