Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

17 Janeiro de 2020 | 12h20 - Actualizado em 17 Janeiro de 2020 | 12h20

SIC detém cinco funcionários do BPC

Luena - Cinco funcionários do Banco de Poupança e Crédito (BPC) do Luena, província do Moxico, foram detidos esta semana, pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC) por suposta fraude de mais de 70 milhões de Kwanzas, pertencentes à repartição fiscal da Administração Geral Tributária (AGT) de Luanda.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Moxico: Porta-voz da Polícia Nacional, Inspector chefe Alberto Pacheco

Foto: David Dias

Em declarações hoje (sexta-feira) à Angop, o porta-voz da Polícia Nacional no Moxico, inspector chefe Alberto Pacheco, informou que os acusados solteiros de 33, 34, 37 e 39 anos de idade falsificaram um cartão multicaixa que lhes permitiu subtrair o montante.

Os supostos infractores, detidos por denúncia feita pela agência bancária (BPC), são igualmente acusados de terem cometido crimes de peculato e de furto.

Leia também
  • 17/01/2020 02:08:18

    Governante exige rigor aos responsáveis

    Luena - O governador da província do Moxico, Gonçalves Muandumba exigiu quinta-feira, no Luena, entrega e rigor ao novo administrador adjunto do município sede (Moxico), Luís Codack Estêvão, para melhor servir a população local.

  • 15/01/2020 19:52:36

    Antigos combatentes solicitam melhores condições de vida

    Saurimo - Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria da província da Lunda Sul solicitaram hoje, quarta-feira, ao Executivo o aumento de pensão do subsídio, atribuição de casa própria entre outras regalias socioeconómicas.

  • 15/01/2020 11:56:37

    PN troca efectivo da comuna do Lucusse

    Luena - O efectivo da Policia Nacional (PN) da comuna do Lucusse, município do Moxico, foi trocado por um novo, após o incidente registado dia 05 deste mês em que morreram uma criança e um agente da corporação.