Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

01 Outubro de 2020 | 13h23 - Actualizado em 01 Outubro de 2020 | 13h23

Projecto "22 de Junho" recebe primeiros moradores em Novembro

Benguela - As primeiras residências do projecto habitacional ?22 de Junho?, afecto ao Ministério do Interior, começam a ser entregues aos beneficiários no próximo mês de Novembro, anunciou hoje, quinta-feira, nesta cidade, o delegado provincial da instituição, Aristófanes dos Santos.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Projecto Habitacional da Polícia Nacional

Foto: joaquina Bento

Segundo o delegado do Minint, que falava à imprensa após ter radiografado as obras de execução do projecto, na primeira quinzena de Novembro serão entregues 24 residências ao efectivo, visto que este, para além da responsabilidade de garantir a segurança pública, atravessa algumas dificuldades, sobretudo no capítulo habitacional.

Aristófanes dos Santos adiantou que a prioridade recai para os trabalhadores de base (com maiores dificuldades), mais antigos e os mais jovens, garantindo lisura e transparência durante o processo de selecção.

O projecto contempla ainda a construção de um posto médico, uma esquadra policial e uma quadra multiuso.

Quanto aos serviços técnicos da infra-estruturação, o delegado informou que o projecto já dispõe de água canalizada, sendo a falta de energia eléctrica na zona a maior preocupação.

“Já fizemos contactos para colocação de um posto de transformação e acreditamos que isso será feito antes da recepção dos primeiros moradores”, referiu.

O projecto habitacional 22 de Junho, iniciado em 2018, está localizado na zona do Estádio Nacional de Ombaka e foi concebido para albergar 200 residências da tipologia T-3 geminadas, estando em execução 118 e 30 já concluídas.

Leia também
  • 30/09/2020 15:20:41

    Casos de violência doméstica registam queda em Benguela

    Benguela - Trezentos e dezasseis casos de violência doméstica foram registados nos primeiros seis meses de 2020, na província de Benguela, contra 1.522 casos no I semestre de 2019, segundo apurou hoje, quarta-feira, a Angop, junto do Gabinete local de Acção Social, Família e Igualdade do Género (Gasfig).

  • 30/09/2020 15:19:58

    Administração do Lobito apoia vendedeiras da zona urbana

    Lobito - Cinquenta vendedoras de frutas e legumes, na zona urbana da cidade do Lobito, estão a receber faseadamente bancadas novas para melhor acomodação dos seus produtos, uma iniciativa da Administração Municipal, no âmbito do Programa Integrado de Desenvolvimento Local e Combate à Pobreza, apurou hoje, quarta-feira, a Angop.

  • 28/09/2020 14:38:27

    SIC apresenta suposto ladrão de bens avaliados em mais de 70 milhões Kz

    Benguela - O serviço de Investigação Criminal (SIC) em Benguela procedeu hoje, segunda-feira, nesta cidade, à apresentação pública de um cidadão de 28 anos de idade, alegadamente ladrão de produtos diversos avaliados em mais de 70 milhões de kwanzas, pertencentes a uma unidade hoteleira.