Terça, 01 de Dezembro de 2020
    |  Fale connosco  |   Assinante    
 

COVID-19: Líbia envia 30 médicos para ajudar Itália


07 Abril de 2020 | 19h03 - Actualizado em 07 Abril de 2020 | 18h56

Bandeira da Líbia Foto: Divulgação

Tripoli, Líbia - O Ministério líbio dos Negócios Estrangeiros anunciou que a Líbia decidiu enviar 30 médicos e assistentes de saúde para ajudar Itália a lutar contra a pandemia do coronavírus (Covid-19) que causa estragos, neste país europeu.


O ministro italiano dos Negócios Estrangeiros, Luigi di Maio, agradeceu ao Governo e ao povo líbios pela iniciativa médica de enviar cerca de 30 médicos para ajudar as equipas médicas italianas na luta contra o vírus corona emergente, em coordenação com o Centro Nacional Líbio de Luta contra as Doenças.

Di Maio falava numa conversa telefónica com o seu homólogo líbio, Mohamed Siala, indicou terça-feira o Ministério líbio dos Negócios Estrangeiros, num comunicado.

Durante esta conversa telefónica, as duas partes abordaram esforços desdobrados para lutar contra a propagação da epidemia e os últimos desenvolvimentos na matéria na Itália, refere a nota.

Siala sublinhou "o apoio da Líbia à Itália até que se ultrapasse esta epidemia”, exprimindo a sua confiança na capacidade de Roma de ultrapassar esta pandemia.

Abalada pela pandemia do coronavírus, a Itália regista um número elevado de mortes, atingindo mais de 16 mil e 500 vítimas e cerca de 132 mil e 780 pessoas infectadas pelo vírus corona.