Domingo, 17 de Janeiro de 2021
    |  Fale connosco  |   Assinante    
 

Futebol: Angolano "cobiçado" por clubes ingleses


02 Dezembro de 2019 | 17h24 - Actualizado em 05 Dezembro de 2019 | 00h55

Futebolista angolano, Aurélio Buta

Foto: KRISTOF VAN ACCOM(Foto divulgação)



Luanda - O lateral direito Aurélio Buta despertou o interesse das equipas inglesas Wolverhampton Wanderers, Watford e Newcastle United, tendo já sido avançado pela imprensa local, uma proposta de cinco milhões de libras.


O jogador angolano, que cumpre a terceira temporada no Antuérpia da Bélgica, tem estado a dominar as manchetes nas últimas semanas, segundo uma matéria divulgada pelo “claquemagazine.com”, na sua página online.

Buta, de 22 anos de idade, já representou o Benfica de Lisboa entre 2011 e 2017, transferindo-se para o Royal Antwerp FC, da I Liga de futebol da Bélgica até 2021.

A promessa do futebol angolano, nascido na província de Luanda, tem o atacante Gelson Dala como colega na formação belga.

Fora das contas do holandês Marcel Keizer, no Sporting Clube de Portugal, Gelson Dala também tem se destacado no seu novo clube, onde foi emprestado por uma época com opção de compra.

Nos últimos anos jovens futebolistas angolanos que evoluem no exterior do país têm sido pretendidos por vários clubes, dada as suas performances. Tal é o caso de Eduardo Camavinga, 16 anos de idade, muito referenciado nesta perspectiva.

Nascido em Miconje, província de Cabinda, o médio assinou contrato com o Rennes, em Dezembro de 2018, tornando-se no mais jovem profissional pelo clube francês.

Em Angola, Zito Luvumbo é o caso mais mediático. O avançado do 1º de Agosto é pretendido por clubes da Europa, destacando-se o West Ham FC, da primeira Liga Inglesa.

Este facto foi tornado público pelo técnico-adjunto da colectividade "militar", Ivo Traça. Do mesmo clube, é proveniente o médio Manuel Cafumana "Show", 20 anos, que chegou a acordo com o Lille de França e está emprestado ao Belenenses SAD, da liga portuguesa.

Referência ainda para o jogador Vá, de 20 anos, ex-Petro de Luanda, a evoluir no Pafos FC, do Chipre.