Domingo, 24 de Janeiro de 2021
    |  Fale connosco  |   Assinante    
 

Andebol: Técnico do Petro admite incapacidade defensiva


22 Julho de 2019 | 05h48 - Actualizado em 22 Julho de 2019 | 05h47

Vivaldo Eduardo, técnico do Petro

Foto: António Escrivão



Luanda - O treinador de andebol do Petro de Luanda, Vivaldo Eduardo, apontou na noite deste domingo a incapacidade defensiva das atletas como principal causa da perda do título nacional sénior feminino.


Falando à imprensa no final da competição, Vivaldo Eduardo referiu que a equipa esteve bem nos primeiros cinco minutos, mas não resistiu a pressão do 1º de Agosto e facilmente acabou por sofrer muitos golos, tendo perdido por sete tentos de diferença (13-20).

Salientou que tentou inverter por várias vezes o esquema de jogo, mas as jogadoras foram pouco activas quer a defender, como a atacar, o que facilitou o adversário “construir” o resultado.

Apesar de perder, no pavilhão da Cidadela, a formação petrolífera é a mais titulada a nível do campeonato nacional com 24 troféus, num quadro em que o clube “militar” tem sete e o Ferroviário oito.