Domingo, 24 de Janeiro de 2021
    |  Fale connosco  |   Assinante    
 

Wiliete aposta na massificação após covid-19


20 Maio de 2020 | 18h09 - Actualizado em 21 Maio de 2020 | 12h23

Vitorino Visele, vice-presidente do Wiliete

Foto: Rosário Miranda



Benguela - Após a covid-19, o Wiliete Sport Clube de Benguela desenvolverá um programa de massificação nas modalidades de andebol, atletismo e xadrez, afirmou nesta quarta-feira o vice-presidente da colectividade, Victorino Visele.


Em entrevista à Angop, o responsável explicou que a pandemia da covid-19 condicionou o projecto, que devia iniciar em Fevereiro deste ano.

Victorino Visele disse que a massificação já ocorre no futebol, nos escalões de iniciados, juvenis e juniores, acrescentando que o clube buscará fontes de rendimento através de parcerias com o empresariado nacional.

A agremiação, fundada a 14 de Setembro de 2018, possui 847 associados, todos com quotas regularizadas, de acordo com a fonte.