Quinta, 03 de Dezembro de 2020
    |  Fale connosco  |   Assinante    
 

Andebol: Falta de jogos compromete participação de Angola no Mundial


11 Setembro de 2020 | 13h39 - Actualizado em 11 Setembro de 2020 | 13h35

Pormenor de uma sessão de treino da selecçãor masculina de andebol (arquivo) Foto: Marcelino Camões

Benguela - O vice-presidente para formação da Associação Provincial de Andebol de Benguela, Carlos Baptista, considerou hoje, sexta-feira, o pouco tempo de preparação e a falta de uma equipa técnica, como condicionantes para um bom desempenho da selecção nacional senior masculina no mundial do Egipto, em 2021.


Em declarações à Angop, sobre as possibilidades de Angola, integrada no grupo C, com as selecções do Japão, Qatar e da Croácia, Carlos Baptista disse que o conjunto nacional parte em desvantagem em relação aos seus oponentes, porque até ao momento não foi convocada, nem tem um seleccionador indicado.

“Essa situação certamente vai influenciar negativamente no desempenho dos atletas, pois, o tempo ideal de preparação para uma competição deste tipo varia entre três a quatro meses, e com o atraso que se verifica quer na indicação de uma equipa técnica, como da convocação da selecção, as coisas complicam-se”, advogou.

Relativamente aos adversários de Angola, o responsável admitiu que têm um nível competitivo superior, mas referiu que o desporto há muito mostrou que não existem vencedores antecipados.

“São equipas com campeonatos internos mais competitivos, melhor organização e com investimentos na modalidade muito acima dos nossos”, enfatizou.

Para o dirigente desportivo, ainda que se venha a indicar um técnico ou uma comissão de gestão da selecção, o pouco tempo de preparação de uma competição deste calibre, poderá ser fatal para os anseios de Angola passar à outra fase.

“Em termos de preparação, precisamos de um acompanhamento muito rigoroso da equipa, melhor organização e estruturação do ponto de vista técnico, táctico e físico”, disse o antigo praticante.

O antigo jogador da equipa do Sporting, Codem, Gaiatos e Interclube, todos de Benguela, e da selecção júnior em 1988, apontou como favoritos no grupo C, o Japão e a Croácia.

O Campeonato do Mundo de andebol masculino de 2021 acontecerá entre os dias 13 e 31 de Janeiro de 2021. Na primeira fase, os três melhores de cada um dos grupos seguem para a segunda fase. Os cruzamentos da segunda fase ainda não foram definidos.