Sexta, 04 de Dezembro de 2020
    |  Fale connosco  |   Assinante    
 

PAC vai financiar 18 projectos na Lunda Norte


21 Julho de 2020 | 13h45 - Actualizado em 21 Julho de 2020 | 13h45

PAC financia 18 projectos agropecuários na Lunda Norte (ARQUIVO) Foto: ANGOP

Dundo - Dezoito cooperativas agropecuárias e produtores individuais dos 54 produtos da cesta básica na Lunda Norte já submeteram os seus projectos à banca para beneficiar, ainda este ano, de um financiamento do Programa de Apoio ao Crédito (PAC), numa iniciativa do Ministério da Economia e Planeamento e do Banco de Desenvolvimento de Angola (BDA).


Segundo o director do gabinete provincial da Agricultura, Pesca e Desenvolvimento Rural na Lunda Norte, Francisco Lubamba, as cooperativas e os produtores individuais, produzem hortícolas, tubérculos, frutícolas e criadores de animais.

Disse que a escolha destes grupos económicos foi feita em função da sua organização e capacidade de produção.

Acrescentou que estão em análise mais dois processos, sendo um produtor de mel e um piscicultor, para igualmente serem financiados.

Assegurou que os já seleccionados são os maiores produtores da região e espera que, com o financiamento, os mesmos possam aumentar a produção para responder a demanda do mercado local.

O financiamento, que visa materializar o Programa de Produção Nacional, Diversificação das Exportações e Substituição de Exportações (PRODESI), criado pelo Executivo em 2018, resulta dos memorandos de implementação do PAC, rubricados entre o Ministério da Economia e Planeamento (MEP), o Banco de Desenvolvimento de Angola (BDA), o Fundo de Garantia de Crédito e oito bancos comerciais.

Após a aprovação das cooperativas para o financiamento, segue-se a identificação das necessidades dos camponeses e depois a elaboração dos projectos por parte dos consultores do Ministério da Economia  e ser remetidos aos bancos para o financiamento.