Domingo, 17 de Janeiro de 2021
    |  Fale connosco  |   Assinante    
 

Governador desencoraja crianças na actividade pesqueira


20 Julho de 2018 | 17h36 - Actualizado em 20 Julho de 2018 | 17h36

Lago Dilolo

Foto: Kinda kyungu



Lago Dilolo - O envolvimento de crianças em actividades pesqueiras na comuna do Lago Dilolo, município do Luacano, província do Moxico, foi hoje, sexta-feira, desencorajado pelo governador local, Gonçalves Muandumba, por prejudicar o rendimento académico dos menores.


O governante fez esse pronunciamento durante um comício, realizado no âmbito da visita de trabalho que efectua ao município do Luacano, tendo referido que devido a participação de crianças em actividades pesqueiras, muitos dos alunos estão a abandonar a escola.

Asseverou que persuadir crianças a realizarem trabalhos, como a pesca, em detrimento de frequentarem a escola constitui violação do direito à educação dos menores, plasmado em leis do país.

Aconselhou aos pais e outros encarregados de educação a orientarem as crianças a frequentar as escolas, para no futuro contribuírem da melhor maneira no processo de desenvolvimento do país.

Reiterou que o Governo Provincial do Moxico continuará empenhado em melhorar a qualidade de ensino na região, através da construção de mais infra-estruturas de ensino.

Em declarações à Angop, na ocasião, o director da escola primária da comuna do Lago Dilolo, Juvenal Caiombo, admitiu que a pesca é uma actividade que tem provocado a desistência de alunos na instituição de ensino em que dirige.

Já o director da escola do I ciclo da comuna do Lago Dilolo, Jorge Thambue, precisou que a pesca artesanal conhecida por "Mussumba" já provocou a desistência de 16 alunos no seu estabelecimento de ensino, neste ano lectivo.

Fez saber que a direcção da escola do I ciclo do Lago Dilolo, onde estão matriculados 115 alunos, criou uma comissão integrada por professores e funcionários administrativos que sensibilizam os pais e outros encarregados de educação no sentido evitarem levar as crianças à pesca, principalmente durante o período lectivo.

Estão matriculados nas escolas da comuna do Lago Dilola 765 alunos.

A comuna do Lago Dilola tem uma população estimada em 13 mil 217 habitantes, na sua maioria pescadores.