Domingo, 17 de Janeiro de 2021
    |  Fale connosco  |   Assinante    
 

Ensino de adulto abrangem mais 300 alunos na Lunda Sul


18 Fevereiro de 2020 | 07h59 - Actualizado em 18 Fevereiro de 2020 | 07h59

Saurimo - Trezentos e 60 alunos dos quatros municípios da província da Lunda Sul foram abrangidos, no presente ano lectivo, na primeira fase do I ciclo do ensino secundário, no subsistema de jovens e adultos com atraso escolar, revelou segunda-feira o chefe do departamento do ensino pré-escolar e inovação, Júlio Cauica.


Em declarações à ANGOP a propósito da implementação do I ciclo do ensino de adultos  na província, o responsável disse que todas as condições estão criadas, aguardando-se apenas a formação de 45 professores que vão assegurar o subsistema de ensino para os jovens e adultos.

Explicou que numa primeira fase estão disponíveis oito sala de aulas neste subsistema de ensino, realçando que cada município vai contar com duas cada,  com a capacidade para 45 alunos.  

Fez saber que o ensino para os jovens adultos será  frequentado em dois anos lectivos e permitirá aos alunos concluírem a 7ª, 8ª e 9ª classe.

Com a implementação do ensino secundário para a educação de adultos, disse, será mais fácil combater o analfabetismo funcional, incentivar a contínua formação dos professores que não tiveram a oportunidade de ingressar e terminar o primeiro ciclo, por falta de vagas.

O sector já pagou os atrasados do 387 alfabetizadores  relacionados com a dívida de 2016, com vista a assegurar as aulas  de alfabetização na província .  

Na província da Lunda Sul 14.863 cidadãos concluíram a primeira fase de aulas de alfabetização, nos módulos I, II e III, com uma equivalência a uma formação da 1ª a 6ª classe do ensino geral.

O programa de Educação de Jovens e Adultos foi lançado em Luanda, em Janeiro deste ano, em substituição do programa de Alfabetização e Aceleração Escolar (PAAE) extinto pelo Decreto Presidencial 257/19, de 12 de Agosto.