Quarta, 20 de Janeiro de 2021
    |  Fale connosco  |   Assinante    
 

Instituto Nacional de Petróleos sob cerca sanitária


02 Novembro de 2020 | 17h51 - Actualizado em 03 Novembro de 2020 | 12h25

Ilustração do COVID-19

Foto: Divulgação



Sumbe - O Instituto Nacional de Petróleos (INP), localizado no Sumbe, província do Cuanza Sul, está sob cerca sanitária desde segunda-feira, face aos casos positivos registados nas últimas 24 horas.


A instituição, que forma quadros com o nível médio e formação profissional das empresas petrolíferas e com mais de 600 estudantes, registou 148 casos positivos entre a comunidade académica.

A propósito dos novos casos registados, a Comissão Técnica Provincial da Covid-19 apelou, em nota de imprensa, à calma e serenidade, particularmente aos pais e encarregados de educação e, em geral, à população do Cuanza Sul.

De acordo com a comissão, a situação está controlada, com as correspondentes medidas de biossegurança.

A Comissão Técnica Provincial reitera a necessidade de todos respeitarem e acatarem as medidas de biossegurança, lavando sempre as mãos com água e sabão ou desinfectá-las com álcool-gel, mantendo sempre o distanciamento e evitar os aglomerados de pessoas, não importa em que circunstâncias.

A província conta com 172 casos, com quatro recuperados, dois óbitos e 166 activos.