Terça, 01 de Dezembro de 2020
    |  Fale connosco  |   Assinante    
 

Vice-presidente enaltece contributo do general António N'dala


31 Janeiro de 2019 | 13h03 - Actualizado em 31 Janeiro de 2019 | 18h39

Vice-presidente da República, Bornito de Sousa Foto: Clemente dos Santos

Luanda - O Vice-presidente da República, Bornito de Sousa, rendeu nesta quinta-feira, em Luanda, homenagem ao general António N'dala, falecido a 24 de Janeiro, por doença, aos 70 anos e enalteceu o contributo do malogrado à causa do país.


No velório, no Quartel-general do Comando do Exercito, o Vice-presidente inclinou-se diante da urna com os restos mortais e transmitiu sentimentos de pesar à família enlutada.

Em declarações à imprensa, após a homenagem, Bornito de Sousa, que no acto representou o Presidente da República, João Lourenço, considerou o general António N'dala um combatente pela independência e integridade territorial do país.

O Vice-presidente destacou, igualmente, a contribuição prestada pelo malogrado à área financeira das Forças Armadas Angolanas, fundamentalmente na articulação com o Ministério das Finanças.

Presente ao acto, o chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas Angola (FAA), António Egídio de Sousa, destacou o companheirismo característico de António N'dala Hinkaka, o que para si torna a perda irreparável.

Além de ser um combatente que sempre cumpriu com as suas missões, foi um pilar para a família, afirmou um irmão do malogrado, Pedro Paulo Samba.

António  N'dala nasceu na província da Huíla, a 21 de Dezembro de 1949.