Terça, 01 de Dezembro de 2020
    |  Fale connosco  |   Assinante    
 

Energia eléctrica produzida em Laúca chega este ano ao Huambo


02 Fevereiro de 2019 | 00h45 - Actualizado em 02 Fevereiro de 2019 | 00h45

Linha de transporte de energia de alta tensão Foto: Angop (arquivo)

Huambo - A província do Huambo vai passar a consumir, ainda este ano, energia eléctrica produzida na barragem hidro-eléctrica de Laúca, na província de Malange, anunciou, sexta-feira, o administrador regional da Empresa Nacional de Distribuição de Electricidade, Manuel de José Adão.


Discursando no encerramento do 4º conselho consultivo alargado de balanço 2017/2018, da região centro sul do país, explicou que tal facto resulta do processo de integração dos sistemas norte, cento e sul do país, já em curso.

Confirmou estar já concluído o processo de colocação das torres de condução dos cabos de alta tensão, assim como a montagem das três centrais, estando em fase terminal o processo de instalação das linhas de rede de consumo e outros serviços.

Afirmou que a província do Huambo, actualmente, tem uma disponibilidade de 75 megawatts, insuficientes para satisfazer a demanda, situação que será ultrapassada com a entrada em funcionamento da nova linha de produção, a partir de Laúca.

Sobre o funcionamento da central térmica do Belém, o responsável explicou que a mesma está a produzir apenas 25 dos 50 megawatts instalados, por dificuldades na aquisição de combustíveis.