Terça, 01 de Dezembro de 2020
    |  Fale connosco  |   Assinante    
 

Covid-19: Professores de química fabricam sabão caseiro


24 Outubro de 2020 | 14h40 - Actualizado em 24 Outubro de 2020 | 14h40

Saurimo - Trinta e seis professores da disciplina de química das províncias da Lunda Norte e da Lunda Sul concluíram, neste sábado, em Saurimo, uma troca de experiência no campo, com a produção de 300 barras de sabão.


O sabão produzido será distribuído aos lares, escolas e famílias desfavorecidas para se protegerem da Covid-19.

A província da Lunda Sul conta, actualmente, com três casos positivos, enquanto a Lunda Norte tem no registo um caso.

A troca de experiência de quatro dias é uma iniciativa do Gabinete Provincial da Educação da Lunda Sul e visou ainda estimular o gosto pela disciplina, bem como contribuir na fabricação do sabão, para auxiliar na higienização das mãos dos estudantes.

Segundo coordenador da formação, David Abel, a pretensão é de atingir uma tonelada mensal de sabão caseiro, para que possa chegar a todos os municípios e comunas.

No entanto, avançou, esta iniciativa encontra um entrave no que toca a matéria-prima localmente, com realce a soda cáustica, enquanto o óleo vegetal poderá ser adquirido ou doado pelos restaurantes e similares.

Solicitou a intervenção do governo na aquisição desta componente para materializar o fabrico do produto.

Por seu turno, o director do Gabinete da Educação na Lunda Sul, Perfeito Candondolo, afirmou que a troca de experiência serviu para os docentes adquirirem experiência, tendo em conta que os colegas da Lunda Sul dominam a técnica do fabrico do sabão caseiro.

Pretende-se, com esta acção, sublinhou, que os formandos levem os conhecimentos adquiridos nas localidades mais recônditas e ensinem às populações a fazer o sabão.