Antigo presidente do Burkina Faso julgado por homicídio do seu antecessor

  • Mapa Do Burkina Faso
Ouagadougou - O antigo Presidente do Burkina Faso, Blaise Compaore, vai ser julgado por homicídio do seu antecessor, Thomas Sankara, durante o golpe de Estado de 1987, no qual tomou o poder, segundo fonte judicial.

O caso foi hoje submetido ao tribunal militar de Ouagadougou, a capital do Burkina Faso, após as acusações contra os principais arguidos, incluindo Blaise Compaore, terem sido confirmadas 34 anos após a morte do ícone africano conhecido localmente como o 'pai da revolução', de acordo com advogados de defesa e partidos civis citados pela agência France Presse (AFP).

Compaoré esteve no poder durante 27 anos até ser derrubado pela revolta popular de Outubro de 2014.

 

O caso foi hoje submetido ao tribunal militar de Ouagadougou, a capital do Burkina Faso, após as acusações contra os principais arguidos, incluindo Blaise Compaore, terem sido confirmadas 34 anos após a morte do ícone africano conhecido localmente como o 'pai da revolução', de acordo com advogados de defesa e partidos civis citados pela agência France Presse (AFP).

Compaoré esteve no poder durante 27 anos até ser derrubado pela revolta popular de Outubro de 2014.