Covid-19: Mais 3.069 pessoas contraíram o vírus na África do Sul

  • Dístico do Covid-19 Novo Coronavírus
Pretória (Da Correspondente) – A África do Sul registou três mil e 69 novas Infecções pelo novo coronavírus desde o último balanço balanço de quinta-feira, aumentando para 778 mil e 571, o acumulado de casos positivos no país, soube a Angop de fonte oficial.

 

 

O ministro sul-africano da Saúde, Zweli Mkhize, disse que, mo mesmo período, 88 pessoas morreram da doeça,  o que eleva o número de mortes para 21 mil 289.

 

Segundo ainda a mesma fonte, das últimas fatalidades, 33 foram registadas na província do Cabo Oriental, 25 em Free State, 18 no Cabo Ocidental, cinco em Gauteng, igual número no Limpopo e duas no Kwazulu-Natal.

 

A província do Cabo Ocidental possui o maior número de casos activos, com nove mil e 092, seguida pelo Cabo Oriental (8.909), Free Sate (6 mil e 485) e Kwazulu-Natal (6 mil e 167). Cabo Setentrional conta com (2 mil e 728) casos activos,  Noroeste (mil e 057), Mpumalanga (432) e Limpopo (316).

 

Gauteng continua sendo o epicentro da doença, com 233 mil e 995 casos confirmados de covid-19, com cinco mil e uma mortes.

 

O país realizou cinco milhões 383 e 078 testes, dos quais 28 mil e 10 feitos desde o último relatório, segundo os dados estatísticos apresentados pelo ministro.

 

 

O ministro sul-africano da Saúde, Zweli Mkhize, disse que, mo mesmo período, 88 pessoas morreram da doeça,  o que eleva o número de mortes para 21 mil 289.

 

Segundo ainda a mesma fonte, das últimas fatalidades, 33 foram registadas na província do Cabo Oriental, 25 em Free State, 18 no Cabo Ocidental, cinco em Gauteng, igual número no Limpopo e duas no Kwazulu-Natal.

 

A província do Cabo Ocidental possui o maior número de casos activos, com nove mil e 092, seguida pelo Cabo Oriental (8.909), Free Sate (6 mil e 485) e Kwazulu-Natal (6 mil e 167). Cabo Setentrional conta com (2 mil e 728) casos activos,  Noroeste (mil e 057), Mpumalanga (432) e Limpopo (316).

 

Gauteng continua sendo o epicentro da doença, com 233 mil e 995 casos confirmados de covid-19, com cinco mil e uma mortes.

 

O país realizou cinco milhões 383 e 078 testes, dos quais 28 mil e 10 feitos desde o último relatório, segundo os dados estatísticos apresentados pelo ministro.