Governo moçambicano cria Instituto Nacional de Sangue

Maputo - O Governo moçambicano aprovou hoje o decreto para a criação do Instituto Nacional de Sangue, anunciou o porta-voz do Conselho de Ministros, Filimão Suazi, segundo noticiou a Lusa.

O instituto, criado a partir do Serviço Nacional de Sangue, visa assegurar a gestão, coordenação e fiscalização das actividades relacionadas com a transfusão e coleta de sangue, declarou à comunicação social Filimão Suazi, momentos após uma sessão do Conselho de Ministros em Maputo.


"O que estamos a fazer é atualizar este serviço e melhorar os mecanismos de organização, gestão das atribuições e competências, admitindo que há novas enfermidades e novas formas de fazer o tratamento de sangue", declarou o porta-voz .

 

O instituto, criado a partir do Serviço Nacional de Sangue, visa assegurar a gestão, coordenação e fiscalização das actividades relacionadas com a transfusão e coleta de sangue, declarou à comunicação social Filimão Suazi, momentos após uma sessão do Conselho de Ministros em Maputo.


"O que estamos a fazer é atualizar este serviço e melhorar os mecanismos de organização, gestão das atribuições e competências, admitindo que há novas enfermidades e novas formas de fazer o tratamento de sangue", declarou o porta-voz .