ONU avalia necessidades de refugiados Tigray no Sudão

  • Sede da ONU em Nova Yorque
Cartum, Sudão - Altos funcionários da ONU conduziram uma missão de 48 horas ao Sudão, onde cerca de 30 mil etíopes se refugiaram na sequência de combates entre forças nacionais e regionais na província de Tigray, indicou quinta-feira a organização mundial.

O coordenador humanitário das Nações Unidas no Sudão, Babacar Cissé, juntamente com os chefes da agência onusina para os refugiados (HCR), do Programa Alimentar Mundial (PAM), do Fundo da ONU para a Infância (UNICEF) e o Fundo para a População (UNFPA), estiveram no local para avaliar a situação nos campos de refugiados, de acordo com uma declaração da ONU.

Tigray está localizado, no norte da Etiópia, e os confrontos eclodiram, no início deste mês, na sequência de um ataque a uma base militar, levando o primeiro-ministro a lançar uma ofensiva militar.

Cerca de quatro mil pessoas estão a atravessar a fronteira para o Sudão, segundo o porta-voz das Nações Unidas, Stephane Dujarric, que acrescentou que as famílias e as crianças dormem ao relento.

"A equipa onusina, em colaboração com o Governo do Sudão, está a assegurar que os refugiados não permaneçam mais de dois dias em centros de acolhimento, antes de serem transferidos para infraestruturas mais apropriadas nos campos de refugiados", disse.

De acordo com a declaração, a missão visitou o Centro de Acolhimento Hamdayet, que abriga quase 16 mil pessoas, bem como o campo de Um Raquba, que acolhe atualmente 4.440 refugiados etíopes. 

O campo tem uma capacidade de 10 mil pessoas, enquanto a capacidade do centro de acolhimento está a ser reforçada para receber mais pessoas a atravessar a fronteira para o Sudão. 

A ONU está também a identificar locais adicionais para que os refugiados possam afastar-se da fronteira e receber assistência e serviços essenciais.

De acordo com Dujarric, a principal preocupação hoje em dia é a higiene, à medida que cada vez mais pessoas chegam, nomeadamente, a prevenção da propagação do coronavírus.