RCA: Ex-ministro detido por envolvimento na rebelião armada

  • Bandeira da República Centro Africana
Bangui - O ex-ministro centro-africano do Turismo, Artes e Cultura, Dieudonné Ndomaté, foi detido na sexta-feira, em Bouca (norte), pela sua presumível participação na rebelião, anunciou o procurador junto do Tribunal de Apelação de Bangui, Eric-Didier Tambo.

“Actualmente o antigo dirigente está a disposição dos investigadores da polícia nacional”, acrescentou.

Ndomaté, que pertence à ala do movimento armado anti-balaka ligado ao líder rebelde Patrice-Edouard Ngaïssona, foi nomeado para o Governo na sequência do acordo de paz de 06 de Fevereiro de 2019 entre o Executivo central e os principais grupos armados.

Segundo o procurador, em Dezembro passado, sob pretexto de se deslocar ao norte para se candidatar às eleições legislativas, Ndomaté apoderou-se de veículos do Estado que lhe permitiriam participar da rebelião.

Grupos armados malianos uniram-se em Dezembro de 2020 para lançar ofensivas coordenadas contra o Governo. Desde Janeiro, uma contra-ofensiva levada a cabo pelas forças regulares, apoiadas por elementos russos e ruandeses, tornou possível a retomada de várias cidades ocupadas pelos rebeldes.

“Actualmente o antigo dirigente está a disposição dos investigadores da polícia nacional”, acrescentou.

Ndomaté, que pertence à ala do movimento armado anti-balaka ligado ao líder rebelde Patrice-Edouard Ngaïssona, foi nomeado para o Governo na sequência do acordo de paz de 06 de Fevereiro de 2019 entre o Executivo central e os principais grupos armados.

Segundo o procurador, em Dezembro passado, sob pretexto de se deslocar ao norte para se candidatar às eleições legislativas, Ndomaté apoderou-se de veículos do Estado que lhe permitiriam participar da rebelião.

Grupos armados malianos uniram-se em Dezembro de 2020 para lançar ofensivas coordenadas contra o Governo. Desde Janeiro, uma contra-ofensiva levada a cabo pelas forças regulares, apoiadas por elementos russos e ruandeses, tornou possível a retomada de várias cidades ocupadas pelos rebeldes.