Camponeses do Cuemba recebem incentivo

Cuemba - Dez associações de camponeses receberam igual número de juntas de boi e respectivas alfaias para alavancar o sector da agricultura, no município do Cuemba, província do Bié.

Faustino Jorge, presidente da associação de camponeses da comuna de Sachinemuna, disse que as juntos de boi e outros meios vão ajudar no aumento da produtividade da mandioca, milho e outras culturas.

Evaristo Luciano, responsável da associação de camponesa da comuna do Munhango, enalteceu o gesto da administração local, tendo solicitado mais flexibilidade por parte da banca para aquisição de inputs agrícola.

Sem revelar o valor empregue, o administrador municipal do Cuemba, João Mário falando hoje no acto de entrega, sublinhou que os meios foram adquiridos no quadro do Programa Integrado de Desenvolvimento Local e Combate à Pobreza (PIDLCP), com a finalidade de ajudar a actividade dos camponeses e aumentar a produção.

Situado a 164 quilómetros a Leste do Cuito, o Cuemba tem uma população estimada a 62 mil 735 habitantes, na sua maioria camponesa.

Na campanha agrícola 2020/2021, foram preparados mais de 60 hectares de terra aráveis.

Esta localidade é potencial nas culturas do milho, mandioca, feijão, arroz, assim como frutas e hortaliças.

O sector da agricultura controla oito cooperativas agrícolas de ex-militares, com 544 membros, e 223 associações de camponeses, integrando mil e 528 famílias.

Possui 118 Escolas do Campo (ECAS), com quatro mil e 37 famílias camponesas.

Faustino Jorge, presidente da associação de camponeses da comuna de Sachinemuna, disse que as juntos de boi e outros meios vão ajudar no aumento da produtividade da mandioca, milho e outras culturas.

Evaristo Luciano, responsável da associação de camponesa da comuna do Munhango, enalteceu o gesto da administração local, tendo solicitado mais flexibilidade por parte da banca para aquisição de inputs agrícola.

Sem revelar o valor empregue, o administrador municipal do Cuemba, João Mário falando hoje no acto de entrega, sublinhou que os meios foram adquiridos no quadro do Programa Integrado de Desenvolvimento Local e Combate à Pobreza (PIDLCP), com a finalidade de ajudar a actividade dos camponeses e aumentar a produção.

Situado a 164 quilómetros a Leste do Cuito, o Cuemba tem uma população estimada a 62 mil 735 habitantes, na sua maioria camponesa.

Na campanha agrícola 2020/2021, foram preparados mais de 60 hectares de terra aráveis.

Esta localidade é potencial nas culturas do milho, mandioca, feijão, arroz, assim como frutas e hortaliças.

O sector da agricultura controla oito cooperativas agrícolas de ex-militares, com 544 membros, e 223 associações de camponeses, integrando mil e 528 famílias.

Possui 118 Escolas do Campo (ECAS), com quatro mil e 37 famílias camponesas.