Famílias camponesas recebem gado bovino na Caála

  • Investimento agro-industrial vai promover desenvolvimento da região leste do País
Caála – Quatrocentas e 22 cabeças de gado bovino de tracção animal foram entregues, esta terça-feira, pelo Projecto de Desenvolvimento da Agricultura Familiar e Comercialização (MOSAP II), a camponeses de sete dos 11 municípios da província do Huambo.

Em acto testemunhado pelo administrador da comuna do Cuima (município da Caála), Henriques Silvério Catumbela, foram entregues 50 cabeças para famílias camponesas do município do Huambo, 48 da Caála, 42 de Cachiungo e 40 da Chicala-Cholohanga.

Beneficiaram ainda os camponeses dos municípios do Mungo (22), Londuimbali (32) e Bailundo (22), num programa que prevê abranger 211 famílias de camponeses, que recebem igualmente uma junta para tracção animal.

Na ocasião, o veterinário do MOSAP II, Esau Chambi, disse que cada família beneficiada teve uma comparticipação de 50 por cento e outros os restantes são suportados pelo projecto, num valor de 230 mil Kwanzas.

Referiu tratar-se de uma iniciativa que se junta aos esforços do Governo angolano, relativamente às acções de combate à pobreza, com o alargamento das áreas de cultivo.

Por sua vez, o administrador do Cuima, Henriques Silvério Catumbela, enalteceu a iniciativa do projecto MOSAP II, salientando que o mesmo vai empoderar as famílias camponesas, com a possibilidade de aumentarem as áreas de produção.

Pediu aos beneficiários para que cuidem dos animais, que irão substituir o trabalho realizado manualmente, sobretudo na comuna do Cuima, onde está em curso a construção de residências para técnicos e armazéns comunitários, financiados pelo projecto MOSAP II.

O MOSAP II é um projecto do Ministério da Agricultura e Pescas, implementado pelo Instituto de Desenvolvimento Agrário (IDA), com financiamento do Banco Mundial e em execução nas províncias de Malanje, Huambo e Bié.

 

Em acto testemunhado pelo administrador da comuna do Cuima (município da Caála), Henriques Silvério Catumbela, foram entregues 50 cabeças para famílias camponesas do município do Huambo, 48 da Caála, 42 de Cachiungo e 40 da Chicala-Cholohanga.

Beneficiaram ainda os camponeses dos municípios do Mungo (22), Londuimbali (32) e Bailundo (22), num programa que prevê abranger 211 famílias de camponeses, que recebem igualmente uma junta para tracção animal.

Na ocasião, o veterinário do MOSAP II, Esau Chambi, disse que cada família beneficiada teve uma comparticipação de 50 por cento e outros os restantes são suportados pelo projecto, num valor de 230 mil Kwanzas.

Referiu tratar-se de uma iniciativa que se junta aos esforços do Governo angolano, relativamente às acções de combate à pobreza, com o alargamento das áreas de cultivo.

Por sua vez, o administrador do Cuima, Henriques Silvério Catumbela, enalteceu a iniciativa do projecto MOSAP II, salientando que o mesmo vai empoderar as famílias camponesas, com a possibilidade de aumentarem as áreas de produção.

Pediu aos beneficiários para que cuidem dos animais, que irão substituir o trabalho realizado manualmente, sobretudo na comuna do Cuima, onde está em curso a construção de residências para técnicos e armazéns comunitários, financiados pelo projecto MOSAP II.

O MOSAP II é um projecto do Ministério da Agricultura e Pescas, implementado pelo Instituto de Desenvolvimento Agrário (IDA), com financiamento do Banco Mundial e em execução nas províncias de Malanje, Huambo e Bié.