Praga de gafanhotos destrói culturas no Cunene

  • Campo de cultivo de feijao da fazenda Lumbamba
Ondjiva - Uma praga de gafanhotos, surgida na última sexta-feira (9), está a destruir culturas de massango, massambala e milho na província do Cunene, região Sul de Angola.

Em declarações à ANGOP, este sábado, o director do gabinete provincial da Agricultura, Pedro Tiberio, explicou que a praga surgiu na comuna do Chiedi, município de Namacunde, e dirige-se até à localidade de Oipembe.

Disse que já notificaram o Ministério da Agricultura, no sentido de disponibilizar meios aéreos para pulverizar algumas lavras, de modo a evitar-se mais prejuízos. Até ao momento, desconhece-se, quantitativamente, os danos reais da praga nas culturas locais.

Conforme Pedro Tiberio, trata-se de um tipo de praga que já se registou, este ano, na província do Cuando Cubango e em algumas províncias da vizinha Namíbia.

De recordar que algumas províncias da região Sul do país enfrentam um problema de seca, há alguns meses, situação que tem comprometido a actividade agrícola e complicado, sobremaneira, a vida dos camponeses locais.

 

Em declarações à ANGOP, este sábado, o director do gabinete provincial da Agricultura, Pedro Tiberio, explicou que a praga surgiu na comuna do Chiedi, município de Namacunde, e dirige-se até à localidade de Oipembe.

Disse que já notificaram o Ministério da Agricultura, no sentido de disponibilizar meios aéreos para pulverizar algumas lavras, de modo a evitar-se mais prejuízos. Até ao momento, desconhece-se, quantitativamente, os danos reais da praga nas culturas locais.

Conforme Pedro Tiberio, trata-se de um tipo de praga que já se registou, este ano, na província do Cuando Cubango e em algumas províncias da vizinha Namíbia.

De recordar que algumas províncias da região Sul do país enfrentam um problema de seca, há alguns meses, situação que tem comprometido a actividade agrícola e complicado, sobremaneira, a vida dos camponeses locais.