1º de Agosto consternado pela morte do fotojornalista

  • Malogrado José Cola
Luanda – O Clube Desportivo 1º de Agosto manifestou consternação e tristeza pela morte do fotojornalista das Edições Novembro, José Cola, ocorrido domingo, numa unidade hospitalar de Luanda, vítima de doença.

Numa mensagem de condolências, contida no seu sítio oficial, a agremiação “militar” aponta o falecido como sendo um profissional que contribuiu com o seu trabalho, para divulgação e desenvolvimento do desporto angolano.            

“Foi com profunda tristeza e consternação, que a Direcção do Clube tomou conhecimento do passamento físico, do sr. José Cola, foto-jornalista desportivo. Neste momento de dor e luto, em nome da Direcção do 1º de Agosto, do colectivo de trabalhadores, técnicos, atletas, sócios, adeptos e simpatizantes, endereçamos a família enlutada, os nossos mais profundos sentimentos de pesar. Que a sua alma descanse em paz!”, refere a nota.

O documento do 1º de Agosto é assinado pelo seu presidente, Carlos Hendrick.   

Além de fotógrafo, José Cola foi co-fundador e dinamizador da Associação de Repórteres de Imagem de Angola.

O profissional havia sido internado de emergência na capital do país no inicio deste mês, depois de sofrer um acidente de viação na localidade de Porto Amboim, província do Cuanza Sul.

Estava a recuperar de uma cirurgia no fémur, na sequência do acidente de viação que sofreu.              

 

 

Numa mensagem de condolências, contida no seu sítio oficial, a agremiação “militar” aponta o falecido como sendo um profissional que contribuiu com o seu trabalho, para divulgação e desenvolvimento do desporto angolano.            

“Foi com profunda tristeza e consternação, que a Direcção do Clube tomou conhecimento do passamento físico, do sr. José Cola, foto-jornalista desportivo. Neste momento de dor e luto, em nome da Direcção do 1º de Agosto, do colectivo de trabalhadores, técnicos, atletas, sócios, adeptos e simpatizantes, endereçamos a família enlutada, os nossos mais profundos sentimentos de pesar. Que a sua alma descanse em paz!”, refere a nota.

O documento do 1º de Agosto é assinado pelo seu presidente, Carlos Hendrick.   

Além de fotógrafo, José Cola foi co-fundador e dinamizador da Associação de Repórteres de Imagem de Angola.

O profissional havia sido internado de emergência na capital do país no inicio deste mês, depois de sofrer um acidente de viação na localidade de Porto Amboim, província do Cuanza Sul.

Estava a recuperar de uma cirurgia no fémur, na sequência do acidente de viação que sofreu.