Basquetebol: Bango é a novidade da selecção para Yaoundé

  • Selecção nacional sénior masculina de basquetebol(arquivo)
Luanda – O poste Jilson Bango é a novidade entre os 12 atletas eleitos para a selecção nacional de basquetebol que disputará a segunda “janela” de qualificação ao Afrobasket2021, de 19 a 21 deste mês em Yaoundé (Camarões).

De 21 anos de idade, o jogador do 1.º de Agosto poderá marcar a sua estreia ao serviço do combinado nacional.

Para esta empreitada, o seleccionador José Neto elegeu ainda Childe Dundão, Melvy da Silva, Leonel Paulo, Alexandre Jungo, Pedro Bastos, Gerson Domingos, Gerson Lukeny, Jone Pedro, Valdelício Joaquim, Gildo Santos e Carlos Morais.

Já entre as ausências, por questões técnicas, destacam-se o base-extremo Jacques da Conceição, o extremo Zé António e o extremo-poste Aboubakar Gakou.

Os três jogadores fizeram parte dos 12 que disputaram a primeira “janela”, no Rwanda, sendo o último (Aboubakar) o jogador mais utilizado e o quarto melhor marcador do cinco nacional, na prova que decorreu em Novembro de 2020.
 
Outras ausências, mas justificadas, são as de Sílvio de Sousa, impossibilitado de sair dos Estados Unidos fruto do processo jurídico que decorre contra si, e Yanick Moreira que se mostrou indisponível.
 
A selecção nacional, segunda colocada com cinco pontos, seguiu às 17 horas desta quarta-feira para o local da competição, onde vai defrontar o Senegal (1º/6 pontos), Quénia (3º/4 pontos) e Moçambique (4º/3 pontos), para o grupo B.
 
 
 Calendário da selecção angolana:
Dia 19
 
Angola X Moçambique (20h)
 
Dia 20
 
Angola X Quénia (14h)
 
Dia 21
 
Angola X Senegal (20h)

 
 
 
 

 

De 21 anos de idade, o jogador do 1.º de Agosto poderá marcar a sua estreia ao serviço do combinado nacional.

Para esta empreitada, o seleccionador José Neto elegeu ainda Childe Dundão, Melvy da Silva, Leonel Paulo, Alexandre Jungo, Pedro Bastos, Gerson Domingos, Gerson Lukeny, Jone Pedro, Valdelício Joaquim, Gildo Santos e Carlos Morais.

Já entre as ausências, por questões técnicas, destacam-se o base-extremo Jacques da Conceição, o extremo Zé António e o extremo-poste Aboubakar Gakou.

Os três jogadores fizeram parte dos 12 que disputaram a primeira “janela”, no Rwanda, sendo o último (Aboubakar) o jogador mais utilizado e o quarto melhor marcador do cinco nacional, na prova que decorreu em Novembro de 2020.
 
Outras ausências, mas justificadas, são as de Sílvio de Sousa, impossibilitado de sair dos Estados Unidos fruto do processo jurídico que decorre contra si, e Yanick Moreira que se mostrou indisponível.
 
A selecção nacional, segunda colocada com cinco pontos, seguiu às 17 horas desta quarta-feira para o local da competição, onde vai defrontar o Senegal (1º/6 pontos), Quénia (3º/4 pontos) e Moçambique (4º/3 pontos), para o grupo B.
 
 
 Calendário da selecção angolana:
Dia 19
 
Angola X Moçambique (20h)
 
Dia 20
 
Angola X Quénia (14h)
 
Dia 21
 
Angola X Senegal (20h)