Basquetebol: FAB confirma início da temporada para Janeiro

  • Partida de basquetebol entre a formação do Petro De Luanda e o 1º de Agosto(arquivo)
Luanda – A Federação Angolana de Basquetebol (FAB) confirmou, segunda-feira, em Luanda, que temporada nacional sénior em ambos os sexos inicia no dia 15 de Janeiro, acauteladas que estão questões ligadas à biossegurança e disponibilidade das equipas.

A decisão saiu de uma reunião entre clubes e a FAB, durante a qual foi igualmente acordado que o Campeonato Nacional sénior masculino contará com nove equipas.

O secretário-geral da FAB, Alcino Melo, disse que as equipas participantes têm até 30 de Dezembro para efectuar as inscrições, adiantando que antes da competição nacional, será disputada a Supertaça, nos dias oito e nove de Janeiro, com jogos das meias-finais e final.

Afirmou que devido à interrupção do campeonato, em Março deste ano, por causa da pandemia da Covid-19, as meias-finais serão Petro de Luanda-Vila Clotilde e 1º de Agosto-Interclube, no pavilhão principal da Cidadela.

O Vila Clotilde entra para o grupo de equipas que vão disputar a Supertaça devido à extinção da Marinha de Guerra, que no campeonato passado ocupou a quarta posição.

Segundo o secretário-geral da FAB, os moldes de disputa do campeonato ainda não foram definidos, pelo que as partes voltarão a reunir-se nos próximos dias para definir os detalhes em falta.

A prova será disputada pelas equipas do Petro de Luanda A e B, 1º de Agosto A e B, Interclube, Atlético Sport Aviação (ASA), Vila Clotilde,CFDK e a estreante formação do Jesus Crist Basketball.

 Relativamente ao Campeonato Nacional sénior feminino, prevê-se começar a 15 de Fevereiro, mas, em Janeiro, haverá um torneio alusivo ao Dia da Cidade de Luanda, competição também sob a égide da FAB.

As Forminguinhas do Cazenga vão estrear-se na prova, que contará ainda com a participação do Interclube, 1º de Agosto, Inter de Benguela, Benfica da Huíla e Maculusso

Alcino Melo assegurou que a FAB prestará apoio logístico (testes da Covid-19) a todas equipas que apresentarem dificuldades para o efeito.

“Vamos apoiar no que for necessário qualquer uma das equipas, porque é nossa pretensão ver todas a jogar”, referiu.

Na última semana, o novo elenco da Federação Angolana de Basquetebol realizou, no pavilhão Victorino Cunha, a primeira edição do torneio de Natal, prova ganha pela equipa A do 1º de Agosto, orientada por Manuel de Sousa Necas.

 

A decisão saiu de uma reunião entre clubes e a FAB, durante a qual foi igualmente acordado que o Campeonato Nacional sénior masculino contará com nove equipas.

O secretário-geral da FAB, Alcino Melo, disse que as equipas participantes têm até 30 de Dezembro para efectuar as inscrições, adiantando que antes da competição nacional, será disputada a Supertaça, nos dias oito e nove de Janeiro, com jogos das meias-finais e final.

Afirmou que devido à interrupção do campeonato, em Março deste ano, por causa da pandemia da Covid-19, as meias-finais serão Petro de Luanda-Vila Clotilde e 1º de Agosto-Interclube, no pavilhão principal da Cidadela.

O Vila Clotilde entra para o grupo de equipas que vão disputar a Supertaça devido à extinção da Marinha de Guerra, que no campeonato passado ocupou a quarta posição.

Segundo o secretário-geral da FAB, os moldes de disputa do campeonato ainda não foram definidos, pelo que as partes voltarão a reunir-se nos próximos dias para definir os detalhes em falta.

A prova será disputada pelas equipas do Petro de Luanda A e B, 1º de Agosto A e B, Interclube, Atlético Sport Aviação (ASA), Vila Clotilde,CFDK e a estreante formação do Jesus Crist Basketball.

 Relativamente ao Campeonato Nacional sénior feminino, prevê-se começar a 15 de Fevereiro, mas, em Janeiro, haverá um torneio alusivo ao Dia da Cidade de Luanda, competição também sob a égide da FAB.

As Forminguinhas do Cazenga vão estrear-se na prova, que contará ainda com a participação do Interclube, 1º de Agosto, Inter de Benguela, Benfica da Huíla e Maculusso

Alcino Melo assegurou que a FAB prestará apoio logístico (testes da Covid-19) a todas equipas que apresentarem dificuldades para o efeito.

“Vamos apoiar no que for necessário qualquer uma das equipas, porque é nossa pretensão ver todas a jogar”, referiu.

Na última semana, o novo elenco da Federação Angolana de Basquetebol realizou, no pavilhão Victorino Cunha, a primeira edição do torneio de Natal, prova ganha pela equipa A do 1º de Agosto, orientada por Manuel de Sousa Necas.