Basquetebol: Morais, Valdelicio e Jone Pedro dispensados da selecção

  • Carlos Morais (esq) no desafio ante o AS Salé
Luanda – Os atletas do Petro de Luanda Carlos Morais (extremo), Valdelicio Joaquim e Jone Pedro (postes) foram dispensados dos trabalhos da selecção nacional de basquetebol que prepara participação no torneio pré-olímpico na Lituânia, soube-se este domingo, em Luanda.

Foram igualmente dispensados os seus colegas Gerson Domingos (base), Gerson Gonçalves (extremo-base) e José António (extremo), segundo um comunicado da federação datado de hoje, no qual refere-se que os atletas violaram o regulamento da instituição ao não se apresentarem, sábado, ao grupo de trabalho, uma vez terminada a quarentena institucional que cumpriam devido a sua participação na Liga africana de clubes (BAL), em Kigali (Rwanda).

Entre os petrolíferos seleccionados para o pré-olímpico, estiveram também na BAL o base Childe Dundão e o extremo-poste Leonel Paulo, cujos nomes não constam do documento da FAB, que não avança pormenores sobre a situação destes.

O Petro representou o país, de 16 a 30 de Maio último, na principal competição africana a nível de clubes e após o regresso os atletas foram submetidos à quarentena institucional em cumprimento as medidas de prevenção e controlo da Covid-19, tendo como data de apresentação o dia 5 deste mês.

“Por imperativo da participação da equipa na BAL, os atletas e técnicos ligados a esta agremiação, depois de acertos com as autoridades sanitárias e desportivas, observando um período de curta quarentena e depois de testados dentro do protocolo da FIBA, tinham como data de apresentação o dia 5 de Junho”, refere a nota.

A selecção trabalha desde o dia 1 deste mês, no pavilhão do Dream Space, em Viana, e tem viagem marcada para quarta-feira (dia 9) a Espanha, onde fará um estágio pré-competitivo de cerca de 15 dias, devendo efectuar jogos de controlo com as formações de Catalunia e Badalona.

O torneio de apuramento aos Jogos Olímpicos acontece de 29 de Junho a 4 de Julho, na cidade lituana de Caunas. Angola defrontará as congéneres da Polónia e Eslovénia.

Na primeira triagem forma afastados Jacques da Conceição, Wilson Ambrósio, Juscelino Ricardo, Fidel Cabita e Melvyn da Silva.

À disposição do técnico Josep Clarós estão Gildo Santos, Pedro Bastos, Selton Miguel, Edson Ndoniema, Malik Cissé, Rifen Miguel, Alexandre Jungo, Jonatão Jungo, Glofate Buimba, Aboubakar Gakou e Jilson Bango.

Yanick Moreira e Bruno Fernando devem integrar a equipa na cidade de Barcelona (Espanha).

Foram igualmente dispensados os seus colegas Gerson Domingos (base), Gerson Gonçalves (extremo-base) e José António (extremo), segundo um comunicado da federação datado de hoje, no qual refere-se que os atletas violaram o regulamento da instituição ao não se apresentarem, sábado, ao grupo de trabalho, uma vez terminada a quarentena institucional que cumpriam devido a sua participação na Liga africana de clubes (BAL), em Kigali (Rwanda).

Entre os petrolíferos seleccionados para o pré-olímpico, estiveram também na BAL o base Childe Dundão e o extremo-poste Leonel Paulo, cujos nomes não constam do documento da FAB, que não avança pormenores sobre a situação destes.

O Petro representou o país, de 16 a 30 de Maio último, na principal competição africana a nível de clubes e após o regresso os atletas foram submetidos à quarentena institucional em cumprimento as medidas de prevenção e controlo da Covid-19, tendo como data de apresentação o dia 5 deste mês.

“Por imperativo da participação da equipa na BAL, os atletas e técnicos ligados a esta agremiação, depois de acertos com as autoridades sanitárias e desportivas, observando um período de curta quarentena e depois de testados dentro do protocolo da FIBA, tinham como data de apresentação o dia 5 de Junho”, refere a nota.

A selecção trabalha desde o dia 1 deste mês, no pavilhão do Dream Space, em Viana, e tem viagem marcada para quarta-feira (dia 9) a Espanha, onde fará um estágio pré-competitivo de cerca de 15 dias, devendo efectuar jogos de controlo com as formações de Catalunia e Badalona.

O torneio de apuramento aos Jogos Olímpicos acontece de 29 de Junho a 4 de Julho, na cidade lituana de Caunas. Angola defrontará as congéneres da Polónia e Eslovénia.

Na primeira triagem forma afastados Jacques da Conceição, Wilson Ambrósio, Juscelino Ricardo, Fidel Cabita e Melvyn da Silva.

À disposição do técnico Josep Clarós estão Gildo Santos, Pedro Bastos, Selton Miguel, Edson Ndoniema, Malik Cissé, Rifen Miguel, Alexandre Jungo, Jonatão Jungo, Glofate Buimba, Aboubakar Gakou e Jilson Bango.

Yanick Moreira e Bruno Fernando devem integrar a equipa na cidade de Barcelona (Espanha).