Futebol: João Pintar no comando técnico da Caála

Huambo - João Pintar da Silva é o novo treinador da equipa principal de futebol do Recreativo da Caála, para as próximas três épocas, em substituição de David Dias, falecido em Julho último, apurou a ANGOP.

De 53 anos de idade, João Pintar da Silva ou simplesmente “Man Pintas”, liderou o Williete de Benguela no Campeonato Nacional de futebol da primeira divisão, Girabola2020/2021, conjunto este que veio abandonar em Fevereiro deste ano.

Para além da turma “benguelense”, o substituto do malogrado David Dias tem, igualmente, passagens pelas formações do Sporting do Bié, Académica do Lobito, Vitória do Bié, Bravos do Maquis e Ferrovia do Huambo.

João Pintar da Silva, que regressa ao Recreativo da Caála, onde trabalhou como adjunto na época 2015, será coadjuvado por Luís Manuel Guerreiro, Eduardo Leite, Domingos Silvano Cussanda e Severino Ulombe Capessa, este último como treinador de guarda-redes.

Compõem ainda a equipa técnica: Leonel Lopes da Cruz (director desportivo), Januário Oliveira (técnico de scouting), Sabino Adão (médico), Teresa Hossi (psicóloga), Edgar Muhongo (fisioterapeuta), Joaquim António (massagista), Henriques Salazar (técnico de equipamentos) e Evaristo de Sousa (seccionista).

Fonte do clube informou que a época desportiva será aberta esta quarta-feira, no estádio do Recreativo da Caála.

A agremiação fundada em 1944, terminou o Girabola2020/2021 na 5ª posição, com 46 pontos, fruto de 11 vitórias, 13 empates e seis derrotas, tendo marcado 30 golos e sofrido 19.

De 53 anos de idade, João Pintar da Silva ou simplesmente “Man Pintas”, liderou o Williete de Benguela no Campeonato Nacional de futebol da primeira divisão, Girabola2020/2021, conjunto este que veio abandonar em Fevereiro deste ano.

Para além da turma “benguelense”, o substituto do malogrado David Dias tem, igualmente, passagens pelas formações do Sporting do Bié, Académica do Lobito, Vitória do Bié, Bravos do Maquis e Ferrovia do Huambo.

João Pintar da Silva, que regressa ao Recreativo da Caála, onde trabalhou como adjunto na época 2015, será coadjuvado por Luís Manuel Guerreiro, Eduardo Leite, Domingos Silvano Cussanda e Severino Ulombe Capessa, este último como treinador de guarda-redes.

Compõem ainda a equipa técnica: Leonel Lopes da Cruz (director desportivo), Januário Oliveira (técnico de scouting), Sabino Adão (médico), Teresa Hossi (psicóloga), Edgar Muhongo (fisioterapeuta), Joaquim António (massagista), Henriques Salazar (técnico de equipamentos) e Evaristo de Sousa (seccionista).

Fonte do clube informou que a época desportiva será aberta esta quarta-feira, no estádio do Recreativo da Caála.

A agremiação fundada em 1944, terminou o Girabola2020/2021 na 5ª posição, com 46 pontos, fruto de 11 vitórias, 13 empates e seis derrotas, tendo marcado 30 golos e sofrido 19.