Sagrada conta com adeptos locais no jogo decisivo

  • Adeptos do Sagrada partem para Luanda - arquivo
Dundo - Cem adeptos da claque do Sagrada Esperança da Lunda Norte viajam esta noite, por terra, para a capital do país (Luanda) a fim de apoiarem a equipa no jogo contra o Petro de Luanda, sábado, no Estádio 11 de Novembro, para a decisão do título do Girabola2021.

De acordo com o presidente da claque da formação lunda, Silva Txinhama, o Governo disponibilizou dois autocarros, sendo que todos os adeptos locais e provenientes da  Lunda Sul e Moxico foram submetidos à testes de Covid -19.

Os aficionados, incluindo os 230 mobilizados em Luanda, perfazendo um total de 330, estarão munidos de equipamentos básicos de protecção como mascaras faciais, álcool em gel e conscientes quanto ao distanciamento social.

No entanto, a formação do Sagrada Esperança já se encontra em Luanda e efectuou o primeiro treino de reconhecimento ao relvado do 11 de Novembro, palco deste encontro referente  à 30ª jornada do Campeonato Nacional de futebol.

As duas equipas encontram-se empatadas a 67 pontos, mais os visitantes possuem vantagem por terem vencido na primeira volta, por 1-0, no Dundo. 

De acordo com a programação da colectividade divulgada pelo técnico Roque Sapiri, os “Lundas” farão dois treinos no Estádio 11 de Novembro para aprimorarem aspectos tácticos.

Tão logo o conjunto chegou ao centro de estágio, numa das unidades hoteleiras, teve uma sessão com o psicólogo, que visou, sobretudo, combater a ansiedade dos jogadores.

Onze provável do Sagrada Esperança

Langanga (G), Lulas, Gaspar, Muenho, Cachi (Cap.), Luís Tati, Celso, Karanga, Victoriano, Lépua e Chico 

Suplentes: JB, Femy, Jó Paciência, Matengó, Valente, Água Doce, Simão, Reginó e Djó

De acordo com o presidente da claque da formação lunda, Silva Txinhama, o Governo disponibilizou dois autocarros, sendo que todos os adeptos locais e provenientes da  Lunda Sul e Moxico foram submetidos à testes de Covid -19.

Os aficionados, incluindo os 230 mobilizados em Luanda, perfazendo um total de 330, estarão munidos de equipamentos básicos de protecção como mascaras faciais, álcool em gel e conscientes quanto ao distanciamento social.

No entanto, a formação do Sagrada Esperança já se encontra em Luanda e efectuou o primeiro treino de reconhecimento ao relvado do 11 de Novembro, palco deste encontro referente  à 30ª jornada do Campeonato Nacional de futebol.

As duas equipas encontram-se empatadas a 67 pontos, mais os visitantes possuem vantagem por terem vencido na primeira volta, por 1-0, no Dundo. 

De acordo com a programação da colectividade divulgada pelo técnico Roque Sapiri, os “Lundas” farão dois treinos no Estádio 11 de Novembro para aprimorarem aspectos tácticos.

Tão logo o conjunto chegou ao centro de estágio, numa das unidades hoteleiras, teve uma sessão com o psicólogo, que visou, sobretudo, combater a ansiedade dos jogadores.

Onze provável do Sagrada Esperança

Langanga (G), Lulas, Gaspar, Muenho, Cachi (Cap.), Luís Tati, Celso, Karanga, Victoriano, Lépua e Chico 

Suplentes: JB, Femy, Jó Paciência, Matengó, Valente, Água Doce, Simão, Reginó e Djó