Natação prepara africano no Rio Maior

  • Pormenor de uma prova de natação (Arquivo)
Luanda - A selecção nacional de natação cumpre de três a sete de Outubro um estágio pré-competitivo no centro de alto rendimento de Rio Maior, Portugal, visando a participação no Campeonato Africano das Nações, a disputar-se de 12 a 17, em Acrra (Ghana).

A informação foi avançada este domingo à ANGOP pelo presidente da Federação Angolana da modalidade, Joaquim Santos, adiantando que o objectivo é garantir melhores condições de treinamento com vista o pódio continental.

O grosso de atletas no país, designadamente, Djamel Pires, N’hara Fernandes, Rafaela Santos, Maria Freitas, Daniela Costa e Catarina Sousa segue dia dois para o palco do estágio, onde depois se completa o grupo.

Integram ainda à selecção nacional o atleta que representou Angola nos Jogos Olímpicos de Tóquio´2020, Salvador Gordo (a militar na Rússia), o veterano Pedro Pinotes, Daniel Francisco, Henriques Mascarenhas, João Duarte (os quatro evoluem em Portugal).

Em feminino, a equipa nacional estará igualmente representada por Lia Lima, que evolui, também, em Portugal.

A selecção nacional participará igualmente em provas de águas abertas com  Pinotes, Duarte e Maria Freitas.

A última presença de Angola num evento do género ocorreu em 2018, na Argélia, onde Catarina Sousa foi a melhor unidade do conjunto, ao chegar à final.

 

A informação foi avançada este domingo à ANGOP pelo presidente da Federação Angolana da modalidade, Joaquim Santos, adiantando que o objectivo é garantir melhores condições de treinamento com vista o pódio continental.

O grosso de atletas no país, designadamente, Djamel Pires, N’hara Fernandes, Rafaela Santos, Maria Freitas, Daniela Costa e Catarina Sousa segue dia dois para o palco do estágio, onde depois se completa o grupo.

Integram ainda à selecção nacional o atleta que representou Angola nos Jogos Olímpicos de Tóquio´2020, Salvador Gordo (a militar na Rússia), o veterano Pedro Pinotes, Daniel Francisco, Henriques Mascarenhas, João Duarte (os quatro evoluem em Portugal).

Em feminino, a equipa nacional estará igualmente representada por Lia Lima, que evolui, também, em Portugal.

A selecção nacional participará igualmente em provas de águas abertas com  Pinotes, Duarte e Maria Freitas.

A última presença de Angola num evento do género ocorreu em 2018, na Argélia, onde Catarina Sousa foi a melhor unidade do conjunto, ao chegar à final.