Pérolas Africanas chegam ao país de ouro ao peito

  • Campeãs africanas chegam segunda-feira ao país
Luanda - A Selecção Nacional sénior feminina de andebol, denominada por Pérolas Africanas, é esperada em Luanda, capital angolana, a partir das 12 horas de segunda-feira (21), depois da conquista do seu 14º título continental.

De acordo com uma comunicação do Ministério da Juventude e Desportos  (MJD) a que a ANGOP teve acesso, neste domingo, o conjunto, que conquistou sexta-feira o troféu africano, em Yaoundé, Camarões, será recebido na sala protocolar do Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro pela ministra de tutela, Ana Paula do Sacramento Neto.

Em seguida, realiza-se uma passeata por várias artérias da cidade até ao Memorial Dr. António Agostinho Neto, onde as tetradecacampeãs serão homenageadas.

Invicta na 24ª edição do Campeonato Africanos das Nações, a selecção angolana venceu na final a anfitriã Camarões por 25-15. Antes, passeou classe ante a Cabo Verde (39-14), ao Congo (29-24), a República Democrática do Congo (29-20) e a Tunísia (27-23).

Com este feito, o terceiro consecutivo, Angola detém a Taça em definitivo, de acordo com os regulamentos da competição, estando também qualificada para o Campeonato do Mundo, no mês de Dezembro, em Espanha, tal como os Camarões (2º classificado), Tunísia (3º) e Congo  (4º).

 

 

De acordo com uma comunicação do Ministério da Juventude e Desportos  (MJD) a que a ANGOP teve acesso, neste domingo, o conjunto, que conquistou sexta-feira o troféu africano, em Yaoundé, Camarões, será recebido na sala protocolar do Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro pela ministra de tutela, Ana Paula do Sacramento Neto.

Em seguida, realiza-se uma passeata por várias artérias da cidade até ao Memorial Dr. António Agostinho Neto, onde as tetradecacampeãs serão homenageadas.

Invicta na 24ª edição do Campeonato Africanos das Nações, a selecção angolana venceu na final a anfitriã Camarões por 25-15. Antes, passeou classe ante a Cabo Verde (39-14), ao Congo (29-24), a República Democrática do Congo (29-20) e a Tunísia (27-23).

Com este feito, o terceiro consecutivo, Angola detém a Taça em definitivo, de acordo com os regulamentos da competição, estando também qualificada para o Campeonato do Mundo, no mês de Dezembro, em Espanha, tal como os Camarões (2º classificado), Tunísia (3º) e Congo  (4º).