Portugal vence Hungria na estreia do Euro

Luanda – Portugal venceu nesta terça-feira a Hungria, por 3-0, em jogo inaugural do grupo F do Campeonato Europeu em futebol, disputado em Budapeste.

Os campeões em título precisaram apenas de três minutos para começar a construir o resultado com golos de Raphael Guerreiro, aos 84 minutos, Cristiano Ronaldo, de grande penalidade aos 87.

O capitão luso fixou o marcador em 3-0 aos 90+2, tornando-se no melhor marcador de sempre dos Campeonatos da Europa, com um total de 11 tentos.

Antes de Portugal marcar o primeiro, os húngaros chegaram ao golo, mais anulado por fora de jogo.

A partir das 20 horas defrontam-se para este mesmo grupo, França e Alemanha.

Era fundamental entrar com o pé direito - Ronaldo

Cristiano Ronaldo reconheceu que era muito importante começar o Europeu com um triunfo.

“Foi um jogo difícil contra uma equipa que defendeu bastante bem durante os 90 minutos, mas conseguimos marcar três golos e estou muito agradecido à equipa por me ter ajudado a marcar dois golos”, disse o goleador português.

CR7, que também foi eleito o melhor jogador em campo, fez história ao totalizar 11 golos marcados no histórico da competição, superando Michel Platini, com nove.

No outro desafio do grupo, a França, actual campeã mundial, venceu a Alemanha por 1-0, em Munique.

Mats Hummels (autogolo) anotou o único tento da partida.

 Esta vitória poderia ter sido mais tranquila para os franceses. A equipa de Didier Deschamps teve dois golos anulados pelo vídeo árbitro, apontados por Kylian Mbappé e Karim Benzema.

Com o resultado, a França assume a segunda posição do grupo com três pontos, os mesmos que o líder Portugal que venceu a Hungria.

Para esta quarta-feira estão previstos os confrontos Finlândia – Rússia (14h00, 2ª jornada do grupo B), Turquia - País de Gales (17h00) e Itália – Suíça (20h00). Os dois jogos contam para a 2ª jornada do grupo A).

Os campeões em título precisaram apenas de três minutos para começar a construir o resultado com golos de Raphael Guerreiro, aos 84 minutos, Cristiano Ronaldo, de grande penalidade aos 87.

O capitão luso fixou o marcador em 3-0 aos 90+2, tornando-se no melhor marcador de sempre dos Campeonatos da Europa, com um total de 11 tentos.

Antes de Portugal marcar o primeiro, os húngaros chegaram ao golo, mais anulado por fora de jogo.

A partir das 20 horas defrontam-se para este mesmo grupo, França e Alemanha.

Era fundamental entrar com o pé direito - Ronaldo

Cristiano Ronaldo reconheceu que era muito importante começar o Europeu com um triunfo.

“Foi um jogo difícil contra uma equipa que defendeu bastante bem durante os 90 minutos, mas conseguimos marcar três golos e estou muito agradecido à equipa por me ter ajudado a marcar dois golos”, disse o goleador português.

CR7, que também foi eleito o melhor jogador em campo, fez história ao totalizar 11 golos marcados no histórico da competição, superando Michel Platini, com nove.

No outro desafio do grupo, a França, actual campeã mundial, venceu a Alemanha por 1-0, em Munique.

Mats Hummels (autogolo) anotou o único tento da partida.

 Esta vitória poderia ter sido mais tranquila para os franceses. A equipa de Didier Deschamps teve dois golos anulados pelo vídeo árbitro, apontados por Kylian Mbappé e Karim Benzema.

Com o resultado, a França assume a segunda posição do grupo com três pontos, os mesmos que o líder Portugal que venceu a Hungria.

Para esta quarta-feira estão previstos os confrontos Finlândia – Rússia (14h00, 2ª jornada do grupo B), Turquia - País de Gales (17h00) e Itália – Suíça (20h00). Os dois jogos contam para a 2ª jornada do grupo A).