Restos mortais de Amílcar Silva repousam no Alto das Cruzes

  • Amílcar Silva foi hoje a enterrar
Luanda - Os restos mortais do antigo treinador da Selecção Nacional de futebol, Amílcar Silva, foram a enterrar nesta quarta-feira no Cemitério do Alto das Cruzes, na capital angolana.

O ex-técnico dos Palancas Negras na década de 80 faleceu domingo último vítima de doença.

Durante o acto fúnebre, familiares, amigos e entidades ligadas ao desporto destacaram os feitos do antigo guarda-redes do Sporting de Benguela (actual nacional de Benguela).

Amílcar Silva foi, também, funcionário bancário e presidente da Mesa da Assembleia-geral da Federação Angolana de Futebol (FAF) no tempo em que o órgão reitor era liderado por Armando Machado.

Nos últimos anos colaborou na Rádio - 5 como analista, tendo participado em várias coberturas nacionais e internacionais, com realce para Campeonatos Africanos, Campeonatos do Mundo e da Europa.

 

O ex-técnico dos Palancas Negras na década de 80 faleceu domingo último vítima de doença.

Durante o acto fúnebre, familiares, amigos e entidades ligadas ao desporto destacaram os feitos do antigo guarda-redes do Sporting de Benguela (actual nacional de Benguela).

Amílcar Silva foi, também, funcionário bancário e presidente da Mesa da Assembleia-geral da Federação Angolana de Futebol (FAF) no tempo em que o órgão reitor era liderado por Armando Machado.

Nos últimos anos colaborou na Rádio - 5 como analista, tendo participado em várias coberturas nacionais e internacionais, com realce para Campeonatos Africanos, Campeonatos do Mundo e da Europa.