Restos mortais de Adão Gabriel vão a enterrar terça-feira

  • Logotipo da RNA
Luanda - Os restos mortais do jornalista do canal desportivo da Rádio Nacional de Angola (Rádio 5) Adão Gabriel vão a enterrar nesta terça-feira , às 10 horas, no Cemitério do Benfica, Luanda.

O velório acontece a partir das 07h00, na Liga Africana.

Falecido na manhã do último sábado (dia 28), por doença, o radialista estava acometido por diabetes e era hipertenso.

De 59 anos de idade, o profissional da comunicação social nasceu na província de Malange ( Marimba), no dia 22 de Julho de 1961.

Trabalhou na província de Benguela entre 1979 e 1996, tendo sido posteriormente transferido para Luanda, onde foi colocado na Rádio 5.

Entre outros feitos, Adão Gabriel esteve entre os relatores que cobriram o mundial da Alemanha, em 2006, com a presença inédita de Angola.

O velório acontece a partir das 07h00, na Liga Africana.

Falecido na manhã do último sábado (dia 28), por doença, o radialista estava acometido por diabetes e era hipertenso.

De 59 anos de idade, o profissional da comunicação social nasceu na província de Malange ( Marimba), no dia 22 de Julho de 1961.

Trabalhou na província de Benguela entre 1979 e 1996, tendo sido posteriormente transferido para Luanda, onde foi colocado na Rádio 5.

Entre outros feitos, Adão Gabriel esteve entre os relatores que cobriram o mundial da Alemanha, em 2006, com a presença inédita de Angola.