Angola na V edição da semana mundial do investidor

  • A Comissão do Mercado de Capitais vai representar Angola no fórum
Luanda – Angola participa via webinar na V Edição da Semana Mundial do Investidor (World Investor Week) a realizar-se de 4 a 9 de Outubro, sob lema "Finanças Sustentáveis e a Protecção do Investidor Contra Fraudes e Golpes".

O evento, em que a Comissão do Mercado de Capitais (CMC) é Coordenadora Regional para África, é uma iniciativa desenhada pela Organização Internacional das Comissões de Valores (IOSCO) com o objectivo de divulgar a Semana Mundial do Investidor junto de outras Autoridades Reguladoras do continente africano, coordenando as acções regionais através da realização de webinars e de uma feira virtual.

Segundo o Administrador executivo da CMC, Emílio Longa, o evento visa também promover a cultura do investimento entre os agentes económicos, estudantes e sociedade em geral, e melhorar os níveis de literacia financeira por via de webinars.

“Vamos ter, entre outras coisas, painéis de debate, entrevistas e outras actividades lúdicas voltadas à poupança e ao investimento, para de forma interactiva divulgar conteúdos de interesse relacionados com o Mercado de Valores Mobiliários (MVM) ”, disse.

Paralelamente a estas actividades, referiu, estão também previstas sessões de debate e divulgação de conteúdos sobre o MVM em rádio, televisão e redes sociais da CMC, exibição de mensagens sobre educação financeira em toda a Rede de Mediatecas de Angola (ReMA).

Acrescentou que será feito um inquérito sobre o nível de literacia financeira e o perfil do investidor, lançamento do Livro de Bolso do Investidor, publicidade em táxis colectivos, concurso sobre finanças para crianças, lançamento da banda desenhada CMCita e banner digital no website da CMC.

Para o desenvolvimento das actividades propostas para a Semana Mundial do Investidor 2021, o leque de participações internacionais é composto por representantes das congéneres de Portugal, Brasil, Moçambique, Cabo Verde, Quénia e África do Sul.

As participações nacionais apresentam-se igualmente ricas com a presença de representantes de instituições financeiras e não só, tais como o Standard Bank Angola, o Banco Angolano de Investimentos (BAI), a BAIGEST, o BFA Gestão de Activos, a Madz Global, a Unidade de Gestão da Dívida Pública (UGD), a Bolsa de Dívida e Valores de Angola (BODIVA), bem como o Banco Nacional de Angola (BNA) e a Agência Angolana de Regulação e Supervisão de Seguros (ARSEG).

Pelo segundo ano consecutivo, a actividade realiza-se com recurso às tecnologias de informação, criando oportunidades concretas para disseminar conhecimento além das fronteiras e promover a cooperação entre os membros da IOSCO.

O evento, em que a Comissão do Mercado de Capitais (CMC) é Coordenadora Regional para África, é uma iniciativa desenhada pela Organização Internacional das Comissões de Valores (IOSCO) com o objectivo de divulgar a Semana Mundial do Investidor junto de outras Autoridades Reguladoras do continente africano, coordenando as acções regionais através da realização de webinars e de uma feira virtual.

Segundo o Administrador executivo da CMC, Emílio Longa, o evento visa também promover a cultura do investimento entre os agentes económicos, estudantes e sociedade em geral, e melhorar os níveis de literacia financeira por via de webinars.

“Vamos ter, entre outras coisas, painéis de debate, entrevistas e outras actividades lúdicas voltadas à poupança e ao investimento, para de forma interactiva divulgar conteúdos de interesse relacionados com o Mercado de Valores Mobiliários (MVM) ”, disse.

Paralelamente a estas actividades, referiu, estão também previstas sessões de debate e divulgação de conteúdos sobre o MVM em rádio, televisão e redes sociais da CMC, exibição de mensagens sobre educação financeira em toda a Rede de Mediatecas de Angola (ReMA).

Acrescentou que será feito um inquérito sobre o nível de literacia financeira e o perfil do investidor, lançamento do Livro de Bolso do Investidor, publicidade em táxis colectivos, concurso sobre finanças para crianças, lançamento da banda desenhada CMCita e banner digital no website da CMC.

Para o desenvolvimento das actividades propostas para a Semana Mundial do Investidor 2021, o leque de participações internacionais é composto por representantes das congéneres de Portugal, Brasil, Moçambique, Cabo Verde, Quénia e África do Sul.

As participações nacionais apresentam-se igualmente ricas com a presença de representantes de instituições financeiras e não só, tais como o Standard Bank Angola, o Banco Angolano de Investimentos (BAI), a BAIGEST, o BFA Gestão de Activos, a Madz Global, a Unidade de Gestão da Dívida Pública (UGD), a Bolsa de Dívida e Valores de Angola (BODIVA), bem como o Banco Nacional de Angola (BNA) e a Agência Angolana de Regulação e Supervisão de Seguros (ARSEG).

Pelo segundo ano consecutivo, a actividade realiza-se com recurso às tecnologias de informação, criando oportunidades concretas para disseminar conhecimento além das fronteiras e promover a cooperação entre os membros da IOSCO.