BAI dispõe serviço e-Kwanza para pagamentos de subsídios

  • Agência do BAI
Luanda - O Banco Angolano de Investimentos (BAI) adoptou o serviço e-Kwanza para efectuar pagamentos regulares de subsídios dos seus colaboradores.

Com o e-Kwanza pretende-se continuar a assegurar a inclusão financeira para os cidadãos não bancarizados, que através de um telemóvel e mesmo sem saldo, possam realizar operações como enviar ou receber dinheiro, efectuar pagamentos de serviços e a disponibilização de fundos ao destinatário em tempo real.

O serviço permite ainda efectuar transferências da conta e-Kwanza para contas bancárias através do portal  e- kwanza para o cliente .

Segundo uma nota a que a Angop teve acesso hoje, o e-Kwanza é um serviço que considera a necessidade de comodidade e segurança dos clientes e tem contribuído para a redução do tempo de espera por atendimento nos balcões do banco.

A iniciativa, refere o documento, resulta do crescimento da demanda da carteira electrónica e-Kwanza e a disponibilidade de novas funcionalidades, o que facilitará o regular pagamento dos subsídios de remuneração facultativos dos mais de dois mil e 100 colaboradores que detém.

 O e-Kwanza suporta movimentações de grandes quantias monetárias, pagamentos em massa, e serve também pessoas e empresas bancarizadas que pretendam transaccionar de forma segura e rápida.

A plataforma e-Kwanza é  um canal não presencial que  permite aos clientes do BAI e não  só, transformar o  dinheiro físico em dinheiro electrónico através do  telemóvel por meio de uma  SMS, sem necessidade abertura de conta.

Com o e-Kwanza pretende-se continuar a assegurar a inclusão financeira para os cidadãos não bancarizados, que através de um telemóvel e mesmo sem saldo, possam realizar operações como enviar ou receber dinheiro, efectuar pagamentos de serviços e a disponibilização de fundos ao destinatário em tempo real.

O serviço permite ainda efectuar transferências da conta e-Kwanza para contas bancárias através do portal  e- kwanza para o cliente .

Segundo uma nota a que a Angop teve acesso hoje, o e-Kwanza é um serviço que considera a necessidade de comodidade e segurança dos clientes e tem contribuído para a redução do tempo de espera por atendimento nos balcões do banco.

A iniciativa, refere o documento, resulta do crescimento da demanda da carteira electrónica e-Kwanza e a disponibilidade de novas funcionalidades, o que facilitará o regular pagamento dos subsídios de remuneração facultativos dos mais de dois mil e 100 colaboradores que detém.

 O e-Kwanza suporta movimentações de grandes quantias monetárias, pagamentos em massa, e serve também pessoas e empresas bancarizadas que pretendam transaccionar de forma segura e rápida.

A plataforma e-Kwanza é  um canal não presencial que  permite aos clientes do BAI e não  só, transformar o  dinheiro físico em dinheiro electrónico através do  telemóvel por meio de uma  SMS, sem necessidade abertura de conta.