Combate à seca e reforço nutricional com bons níveis de execução

  • Namibe: Olivais Destruídos Devido Ao Clima/Moçâmedes/Namibe
Moçâmedes - O programa multi-sectorial de combate à seca e reforço nutricional está a registar avanços significativos com a execução de projectos como a reparação de furos de água, formação para técnicos de saúde na área nutricional e outros ligados à agricultura, afirmou hoje director multilateral da Word Vision Angola, Robert Jean Bulter.

Falando na apresentação do relatório de actividades desenvolvidas de Maio a Novembro do ano em curso, realçou que o programa engloba quatro províncias nomeadamente Namibe, Huíla, Cunene e Cuando-Cubango.

Segundo o gestor, o programa está estimado em seis milhões de dólares norte-americanos, repartido por quatro províncias, para um período de um ano.

O valor é um empréstimo do Banco Mundial ao Governo angolano. Um milhão e quinhentos dólares norte americanos são destinados ao combate à seca e desnutrição para cada uma das quatro províncias, e está a ser gerido pela Word Vision Angola.

Para o Namibe, o valor foi destinado para compra de medicamentos, materiais para a reabilitação dos pontos de água e custos operacionais, incluindo com viaturas.  

No mesmo programa, segundo o director, foram formados também 190 enfermeiros dos cinco municípios da província do Namibe, em matérias de tratamento de nutrição em crianças.

 Nessa altura, as crianças estão receber os suplementos nutricionais e outros produtos terapêuticos para o tratamento da desnutrição que aflige mais os petizes que vivem em zonas recônditas.

“Para além disso, fizemos igualmente uma análise dos 22 furos de água que serão reabilitados. No sector da agricultura consta a preparação de implementação de hortas escolares ou comunitárias e a preparação de pessoas que poderão gerir as futuras cozinhas comunitárias com produtos hortícolas produzidos localmente”, disse.

Salientou ainda que o projecto engloba a triagem, nos próximos dias, de 50 crianças desnutridas de forma a seguir com o devido tratamento.

Os 22 furos de água vão beneficiar mais de 20 mil pessoas, estando previsto a conclusão da sua reabilitação para  o mês de Abril de 2021.