Primeira região tributária arrecada Kz 17 mil milhões

Mbanza Kongo - A Primeira região da Administração Geral Tributária (AGT), que abarca as províncias do Zaire e Cabinda, norte de Angola, arrecadou 17 mil milhões de kwanzas, de Janeiro a Abril deste ano.

O valor colectado resulta do pagamento de impostos industrial, rendimento do trabalho (IRT), predial urbano (IPU), de Sisa, Imposto de Valor Acrescentado (IVA), Imposto sobre os Veículos Motorizados (IVM), entre outros em vigor no país.

A informação foi dada esta terça-feira, em Mbanza Kongo, pelo administrador da AGT da 1ª região tributária, Santos Augusto Mussamo, na abertura de uma campanha de sensibilização dos automobilistas, sobre a educação fiscal, um acto prestigiado pelo governador provincial do Zaire, Pedro Makita Armando Júlia.

Sem avançar dados comparativos, o administrador disse que a sua instituição vai intensificar as acções de sensibilização dos contribuintes para maximizar a colecta de receitas na região.

Quanto à campanha, disse, durante uma semana os técnicos da AGT vão desdobrar-se nos demais municípios da província, visando sensibilizar os contribuintes para o pagamento do imposto de veículos motorizados e do regime jurídico de facturas.

Ao referir-se ao Imposto sobre Veículos Motorizados (IVM), a fonte lembrou que esta ferramenta veio substituir a taxa de circulação, que incidia sobre os automóveis e motorizadas, tendo sido alargado para as embarcações e aeronaves.

Por sua vez, o delegado provincial das finanças no Zaire, Paciência Monteiro, disse que a campanha visa arrecadar mais receitas e a subsequente resolução dos problemas relacionados com a circulação rodoviária.

 

O valor colectado resulta do pagamento de impostos industrial, rendimento do trabalho (IRT), predial urbano (IPU), de Sisa, Imposto de Valor Acrescentado (IVA), Imposto sobre os Veículos Motorizados (IVM), entre outros em vigor no país.

A informação foi dada esta terça-feira, em Mbanza Kongo, pelo administrador da AGT da 1ª região tributária, Santos Augusto Mussamo, na abertura de uma campanha de sensibilização dos automobilistas, sobre a educação fiscal, um acto prestigiado pelo governador provincial do Zaire, Pedro Makita Armando Júlia.

Sem avançar dados comparativos, o administrador disse que a sua instituição vai intensificar as acções de sensibilização dos contribuintes para maximizar a colecta de receitas na região.

Quanto à campanha, disse, durante uma semana os técnicos da AGT vão desdobrar-se nos demais municípios da província, visando sensibilizar os contribuintes para o pagamento do imposto de veículos motorizados e do regime jurídico de facturas.

Ao referir-se ao Imposto sobre Veículos Motorizados (IVM), a fonte lembrou que esta ferramenta veio substituir a taxa de circulação, que incidia sobre os automóveis e motorizadas, tendo sido alargado para as embarcações e aeronaves.

Por sua vez, o delegado provincial das finanças no Zaire, Paciência Monteiro, disse que a campanha visa arrecadar mais receitas e a subsequente resolução dos problemas relacionados com a circulação rodoviária.