Amboim com três escolas financiadas pelo PIIM

  • Sala de aulas
Sumbe – Uma escola primária com sete salas de aulas foi inaugurada na terça-feira, na comunidade da Zâmbia, província do Cuanza Sul, financiada pelo Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM).

Com este estabelecimento, eleva-se para três o número de escolas inauguradas com o financiamento do PIIM, no município do Amboim, no corrente ano, albergando mil 260 alunos.

Com um orçamento de 82.233.044,20 Kwanzas, a sua construção durou um ano. A infra-estrutura está devidamente apetrechada e, além das salas de aulas, comporta gabinetes, salas para professores e um pátio.

Denominada Escola Primária número 56 da Zâmbia, o corte da fita coube ao governador provincial do Cuanza Sul, Job Capapinha.

A Comunidade Zâmbia tem uma escola de construção definitiva com duas salas de aulas e outras 10 salas anexas, com mil 080 alunos matriculados este ano lectivo suportados por 24 professores.

O Município do Amboim tem matriculados  56 mil 300 alunos em todos sub-sistemas de ensino, mil 230 professores e 590 salas de aulas.

Ao anteceder a inauguração, Job Capapinha orientou a 4ª reunião do PIIM com participação dos administradores e empreiteiros dos municípios do Amboim, Quibala, Ebo, Libolo, Mussende e Cela.

O governador orientou os empreiteiros e fiscais a instalarem, até Janeiro de 2021, os seus gabinetes nas localidades onde existam obras em execução, para facilitar a inter-acção com o governo da província.

Recomendou as administrações municipais a responsabilizarem os empreiteiros com obras fora dos prazos e se necessário desencadearem os processos de rescisão dos contratos.

 

Com este estabelecimento, eleva-se para três o número de escolas inauguradas com o financiamento do PIIM, no município do Amboim, no corrente ano, albergando mil 260 alunos.

Com um orçamento de 82.233.044,20 Kwanzas, a sua construção durou um ano. A infra-estrutura está devidamente apetrechada e, além das salas de aulas, comporta gabinetes, salas para professores e um pátio.

Denominada Escola Primária número 56 da Zâmbia, o corte da fita coube ao governador provincial do Cuanza Sul, Job Capapinha.

A Comunidade Zâmbia tem uma escola de construção definitiva com duas salas de aulas e outras 10 salas anexas, com mil 080 alunos matriculados este ano lectivo suportados por 24 professores.

O Município do Amboim tem matriculados  56 mil 300 alunos em todos sub-sistemas de ensino, mil 230 professores e 590 salas de aulas.

Ao anteceder a inauguração, Job Capapinha orientou a 4ª reunião do PIIM com participação dos administradores e empreiteiros dos municípios do Amboim, Quibala, Ebo, Libolo, Mussende e Cela.

O governador orientou os empreiteiros e fiscais a instalarem, até Janeiro de 2021, os seus gabinetes nas localidades onde existam obras em execução, para facilitar a inter-acção com o governo da província.

Recomendou as administrações municipais a responsabilizarem os empreiteiros com obras fora dos prazos e se necessário desencadearem os processos de rescisão dos contratos.