Cuando Cubango carece de um arquivo público

Menongue - O director do gabinete provincial da cultura, turismo, juventude e desportos, Afonso Rafael Dala, defendeu, nesta quarta-feira, a construção de um arquivo público no Cuando Cubango.

O responsável fez esta advocacia durante o acto provincial comemorativo ao Dia Internacional do Arquivos, admitindo que a inexistência de arquivos se deve a várias razões, como o longo período de conflito armado que assolou o país.

“A guerra desorganizou, mas nós também acabamos por desorganizar nas nossas comunidades”, considerou, apelando para uma reflexão sobre o que deve ser feito para a construção de uma fonte de história", reforçou.

Em relação à data, dentre os objectivos da efeméride, destaca-se a importância dos arquivos como património cultural e como fonte de informação para todas as sociedades significativas para o desenvolvimento económico político social e cultural da humanidade.

 

O responsável fez esta advocacia durante o acto provincial comemorativo ao Dia Internacional do Arquivos, admitindo que a inexistência de arquivos se deve a várias razões, como o longo período de conflito armado que assolou o país.

“A guerra desorganizou, mas nós também acabamos por desorganizar nas nossas comunidades”, considerou, apelando para uma reflexão sobre o que deve ser feito para a construção de uma fonte de história", reforçou.

Em relação à data, dentre os objectivos da efeméride, destaca-se a importância dos arquivos como património cultural e como fonte de informação para todas as sociedades significativas para o desenvolvimento económico político social e cultural da humanidade.