Fesc-Kianda reúne produção da CPLP

  • Membros da organização do Festival Internacional de curta metragem da Kianda
Luanda- O Festival Internacional de Curta Metragem da Kianda (Fesc-Kianda) reúne de 21 a 26 deste mês, no Centro Cultural Brasil-Angola, em Luanda, 24 filmes de criadores da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP).

Segundo o director do festival, Vánio de Almeida, o projecto tem como objectivo incentivar a produção nacional, promoção dos filmes, criação de mecanismos para a distribuição e troca de experiências entre os criadores da CPLP.

“Sendo o cinema uma arte colectiva que congrega as mais variadas profissões, seria uma mais-valia o Governo apostar neste sector que gera vários postos de empregos e contribui para a diversificação da economia nacional”, realçou o responsável.

Nesta segunda edição será homenageada a cineasta angolana Maria João Ganga, autora e realizadora do filme "Na Cidade Vazia".

O Fesc-Kianda é um evento anual inserido nas festividades de Luanda para premiar as curta-metragens produzidas de Janeiro a Novembro de cada ano.

Ao longo do evento, o programa inclui amostras de curta-metragens da CPLP, palestras, workshops, debates e mesas redondas sobre o estado do cinema angolano.

Segundo o director do festival, Vánio de Almeida, o projecto tem como objectivo incentivar a produção nacional, promoção dos filmes, criação de mecanismos para a distribuição e troca de experiências entre os criadores da CPLP.

“Sendo o cinema uma arte colectiva que congrega as mais variadas profissões, seria uma mais-valia o Governo apostar neste sector que gera vários postos de empregos e contribui para a diversificação da economia nacional”, realçou o responsável.

Nesta segunda edição será homenageada a cineasta angolana Maria João Ganga, autora e realizadora do filme "Na Cidade Vazia".

O Fesc-Kianda é um evento anual inserido nas festividades de Luanda para premiar as curta-metragens produzidas de Janeiro a Novembro de cada ano.

Ao longo do evento, o programa inclui amostras de curta-metragens da CPLP, palestras, workshops, debates e mesas redondas sobre o estado do cinema angolano.