Livro sobre legado de Sérgio Luther Rescova será lançado este mês

  • Venda e sessão de autógrafos da obra em homenagem a Luther Rescova
Luanda - Um livro intitulado Monó - O legado de Sérgio Luther Rescova Joaquim: 1980- 2020, com finalidade de trazer a público todo histórico inspirador que foi a vida do político, será lançado no dia 30 deste mês, em Luanda.

Segundo uma nota de imprensa a que a ANGOP teve acesso hoje, quinta-feira, o livro que retrata e homenageia a figura política de Rescova será lançado no Memorial António Agostinho Neto.

A obra editada pela editora Sindjekumi é de autoria do académico Manuel Salvador  e contém também testemunhos e textos fúnebres de figuras políticas, diplomáticas, sociais e de familiares que durante décadas conviveram e partilharam momentos com  Sérgio Luther Rescova.    

A obra, com 105 paginas, foi prefaciada pelo Vice-presidente da República Bornito de Sousa Baltazar  Diogo e contou com o apoio institucional de, entre outros órgãos, do Ministério da Cultura , Turismo e Ambiente  e o patrocínio do Governo de Angola.

O autor Manuel Nhanga Borges Salvador é docente universitário do Instituto  Superior  Politécnico Deolinda Rodrigues e licenciado  em língua e literatura portuguesa pela Universidade  Agostinho Neto.     

Sérgio Luther Rescova Joaquim nasceu a 16 de Maio de 1980, no município da Damba, província do Uíge e faleceu a 09 de Outubro de 2020, em Luanda, por doença.

Mestre em Ciências Jurídico-Políticas e licenciado em Direito pela Universidade Católica de Angola, foi Deputado à Assembleia Nacional pelo partido MPLA, inserido na Comissão de Assuntos Constitucionais e Jurídicos.

Foi docente da Faculdade de Direito da Universidade Católica de Angola, onde leccionou a disciplina de Direito Constitucional.

Exerceu, igualmente, o cargo de secretário Nacional da JMPLA, organização juvenil do MPLA.

Entre 02 de Janeiro de 2019 e 26 de Maio de 2020 exerceu o cargo de governador da província de Luanda.

Foi também governador da província do Uíge, de 26 de Maio de 2020 até a data da sua morte.

 

Segundo uma nota de imprensa a que a ANGOP teve acesso hoje, quinta-feira, o livro que retrata e homenageia a figura política de Rescova será lançado no Memorial António Agostinho Neto.

A obra editada pela editora Sindjekumi é de autoria do académico Manuel Salvador  e contém também testemunhos e textos fúnebres de figuras políticas, diplomáticas, sociais e de familiares que durante décadas conviveram e partilharam momentos com  Sérgio Luther Rescova.    

A obra, com 105 paginas, foi prefaciada pelo Vice-presidente da República Bornito de Sousa Baltazar  Diogo e contou com o apoio institucional de, entre outros órgãos, do Ministério da Cultura , Turismo e Ambiente  e o patrocínio do Governo de Angola.

O autor Manuel Nhanga Borges Salvador é docente universitário do Instituto  Superior  Politécnico Deolinda Rodrigues e licenciado  em língua e literatura portuguesa pela Universidade  Agostinho Neto.     

Sérgio Luther Rescova Joaquim nasceu a 16 de Maio de 1980, no município da Damba, província do Uíge e faleceu a 09 de Outubro de 2020, em Luanda, por doença.

Mestre em Ciências Jurídico-Políticas e licenciado em Direito pela Universidade Católica de Angola, foi Deputado à Assembleia Nacional pelo partido MPLA, inserido na Comissão de Assuntos Constitucionais e Jurídicos.

Foi docente da Faculdade de Direito da Universidade Católica de Angola, onde leccionou a disciplina de Direito Constitucional.

Exerceu, igualmente, o cargo de secretário Nacional da JMPLA, organização juvenil do MPLA.

Entre 02 de Janeiro de 2019 e 26 de Maio de 2020 exerceu o cargo de governador da província de Luanda.

Foi também governador da província do Uíge, de 26 de Maio de 2020 até a data da sua morte.