John Bela apresenta “A lenda do ovo e da galinha” no Namibe

  • Namibe: Escritor John Bela autografa obra literária na província do Namibe
Moçâmedes- O escritor angolano John Bella apresentou, nesta quarta-feira, na província do Namibe, a sua mais recente obra literária intitulada “A lenda do ovo e a galinha".

A obra infantil, com 39 páginas, foi lançada em finais de Fevereiro em Luanda e conta com uma tiragem de três mil exemplares.

O livro apresenta várias abordagens para os petizes como, “entre o ovo e a galinha quem é o mais velho”, “com a fuba se faz o funge”, “os contos dos mais velhos”, “as palavras que eram muito pequenas”, “a mãe búfalo”, entre outras estórias.

Em declarações à Angop, o escritor disse que a o livro está pensado para ajudar no processo de aprendizagem das crianças, de maneira a incentivá-las á leitura.

John Bella nasceu no bairro Sambizanga, em Luanda, tendo iniciado os seus escritos literários aos 12 anos.

Em 1995 lançou o seu primeiro livro "Água da Vida", obra com a qual foi  eleito, um ano depois, "Escritor do ano em Angola", tendo sido agraciado com o "Prémio Galax".

Constam ainda das suas 17 obras literárias, “A Palanca dos Chifres Curvados”, “Embebedaram a Chuva”, “A canção mágica”, “A esperteza dos animais”, “O caótico romântico pai”, “Dois livros da Rainha Ginga”, entre outras.

 

A obra infantil, com 39 páginas, foi lançada em finais de Fevereiro em Luanda e conta com uma tiragem de três mil exemplares.

O livro apresenta várias abordagens para os petizes como, “entre o ovo e a galinha quem é o mais velho”, “com a fuba se faz o funge”, “os contos dos mais velhos”, “as palavras que eram muito pequenas”, “a mãe búfalo”, entre outras estórias.

Em declarações à Angop, o escritor disse que a o livro está pensado para ajudar no processo de aprendizagem das crianças, de maneira a incentivá-las á leitura.

John Bella nasceu no bairro Sambizanga, em Luanda, tendo iniciado os seus escritos literários aos 12 anos.

Em 1995 lançou o seu primeiro livro "Água da Vida", obra com a qual foi  eleito, um ano depois, "Escritor do ano em Angola", tendo sido agraciado com o "Prémio Galax".

Constam ainda das suas 17 obras literárias, “A Palanca dos Chifres Curvados”, “Embebedaram a Chuva”, “A canção mágica”, “A esperteza dos animais”, “O caótico romântico pai”, “Dois livros da Rainha Ginga”, entre outras.