Nova Energia junta vozes da lusofonia em Luanda

  • Músicos Pato,João Alexandre, Justino Delgado e Juca
Luanda – A promotora Nova Energia junta no próximo sábado, em Luanda, vários artistas dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) que se destacaram nas décadas de 80 e 90, durante um live especial inserido no projecto “Show do Mês”.

Neste espectáculo, que terá transmissão em directo na Televisão Pública de Angola (TPA2), o país será representado, entre outros, pelos músicos Pato e João Alexandre.

O primeiro vai interpretar alguns dos seus temas de maior sucesso, entre os quais “Cely”, “Mulata”, “Angola e Cabo Verde em Mim” e “Amor Inesquecível”, enquanto o segundo canta temas da Banda Versáteis, concretamente “Casamento” e “Mónica”.

Segundo fonte da Nova Energia, São Tomé e Príncipe será representado por Juka, que deverá cantar os temas “Sabina”, “Alo Cherry”, “Angelina” e “Nossa Senhora da Ilha”.

Está igualmente prevista a interpretação do tema “Carambola”, do conjunto África Negra, um dos mais notáveis de São Tomé e Príncipe e da África lusófona.

Ainda em representação daquele país, o guião prevê a interpretação dos temas “Maninha My Love” e “Pamodi Un Camerece”, de Camilo Domingos, um dos nomes mais sonantes do cancioneiro são-tomense, falecido a 07 de Agosto de 2005.

Na live deste sábado, devem ser, igualmente, interpretadas as canções “Bida de Gossi”, dos Tubarões, “Boas Festas”, de Luís Morais, “Diálogue”, de Jacqueline Fortes, e “Padoce Di Céu Azul”, de Lura, todos em representação de Cabo Verde.

Para representar a Guiné-Bissau, serão interpretadas as canções “Fidjus Na Da Fuga”,  “Mon Di Timba” e “Toroco”, de Justino Delgado”, e “N Sta Riba”, Tino Trino.

Nesta viagem pelos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP), Moçambique será representado pelas canções de Guilherme Silva, “Esse Teu Jeito” e “Kanimambo Mama”, além de “Zavale”, de Tote.

De realçar que as décadas de 80 e 90 produziram dezenas de exímios executantes dos ritmos kizomba, zouk love, coladera, morna e afro zouk, entre os quais Bana, Cesária Évora, Djosinha, Cabo Verde Show, Oliver Ngoma, Monique Seka, Tabanka Djaz, Livity, Gil And Perfect, Patit Pays, Eduardo Paim e Paulo Flores.

Neste espectáculo, que terá transmissão em directo na Televisão Pública de Angola (TPA2), o país será representado, entre outros, pelos músicos Pato e João Alexandre.

O primeiro vai interpretar alguns dos seus temas de maior sucesso, entre os quais “Cely”, “Mulata”, “Angola e Cabo Verde em Mim” e “Amor Inesquecível”, enquanto o segundo canta temas da Banda Versáteis, concretamente “Casamento” e “Mónica”.

Segundo fonte da Nova Energia, São Tomé e Príncipe será representado por Juka, que deverá cantar os temas “Sabina”, “Alo Cherry”, “Angelina” e “Nossa Senhora da Ilha”.

Está igualmente prevista a interpretação do tema “Carambola”, do conjunto África Negra, um dos mais notáveis de São Tomé e Príncipe e da África lusófona.

Ainda em representação daquele país, o guião prevê a interpretação dos temas “Maninha My Love” e “Pamodi Un Camerece”, de Camilo Domingos, um dos nomes mais sonantes do cancioneiro são-tomense, falecido a 07 de Agosto de 2005.

Na live deste sábado, devem ser, igualmente, interpretadas as canções “Bida de Gossi”, dos Tubarões, “Boas Festas”, de Luís Morais, “Diálogue”, de Jacqueline Fortes, e “Padoce Di Céu Azul”, de Lura, todos em representação de Cabo Verde.

Para representar a Guiné-Bissau, serão interpretadas as canções “Fidjus Na Da Fuga”,  “Mon Di Timba” e “Toroco”, de Justino Delgado”, e “N Sta Riba”, Tino Trino.

Nesta viagem pelos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP), Moçambique será representado pelas canções de Guilherme Silva, “Esse Teu Jeito” e “Kanimambo Mama”, além de “Zavale”, de Tote.

De realçar que as décadas de 80 e 90 produziram dezenas de exímios executantes dos ritmos kizomba, zouk love, coladera, morna e afro zouk, entre os quais Bana, Cesária Évora, Djosinha, Cabo Verde Show, Oliver Ngoma, Monique Seka, Tabanka Djaz, Livity, Gil And Perfect, Patit Pays, Eduardo Paim e Paulo Flores.