Angola ganha primeira edição da Bíblia Sagrada na língua Songo

Malanje - A Sociedade Bíblica de Angola (SBA) apresentou, neste sábado, a primeira edição da Bíblia Sagrada traduzida na língua Songo, no quadro da expansão do evangelho e preservação da identidade cultural.

A iniciativa, de especialistas do comité de tradução da SBA, conta com uma tiragem inicial de três mil exemplares e visa incentivar o uso e valorização das línguas nacionais.

No acto de apresentação da obra, a secretária-geral da SBA, Beatriz Hupa, disse que a versão Songo da Bíblia vem no sentido de democratizar o acesso ao referido livro, para que os falantes desta língua possam lê-lo.

Na ocasião, o administrador municipal de Malanje, João de Assunção, enalteceu a iniciativa, porquanto contribui para a moralização da sociedade e pacificação dos espíritos, por via das escrituras sagradas.

O trabalho de tradução da Bíblia Sagrada em línguas nacionais conta com o contributo de linguistas, sobas e líderes comunitários.

Até ao momento, a Sociedade Bíblica já traduziu e dispõe de bíblias sagradas nas línguas Ngangela, Umbundu, Kikongo e Ocikwanhama.

A iniciativa, de especialistas do comité de tradução da SBA, conta com uma tiragem inicial de três mil exemplares e visa incentivar o uso e valorização das línguas nacionais.

No acto de apresentação da obra, a secretária-geral da SBA, Beatriz Hupa, disse que a versão Songo da Bíblia vem no sentido de democratizar o acesso ao referido livro, para que os falantes desta língua possam lê-lo.

Na ocasião, o administrador municipal de Malanje, João de Assunção, enalteceu a iniciativa, porquanto contribui para a moralização da sociedade e pacificação dos espíritos, por via das escrituras sagradas.

O trabalho de tradução da Bíblia Sagrada em línguas nacionais conta com o contributo de linguistas, sobas e líderes comunitários.

Até ao momento, a Sociedade Bíblica já traduziu e dispõe de bíblias sagradas nas línguas Ngangela, Umbundu, Kikongo e Ocikwanhama.