Aviões de reconhecimento dos EUA sobrevoam Coreia do Sul

Mosocovo - Aviões de reconhecimento dos EUA sobrevoaram a Coreia do Sul nos últimos dias numa presumível missão para monitorar a Coreia do Norte.

"Estamos a monitorar de perto os movimentos militares da Coreia do Norte. No momento, não há sinais que indiquem movimentos provocativos iminentes da parte do Norte", afirmou um oficial sul-coreano, citado pela agência de notícias Yonhap.

De acordo com a agência, um avião RC-135W Rivet Joint dos EUA foi avistado a voar sobre a cidade de Incheon durante a manhã desta segunda-feira.

A aeronave norte-americana avistada é especializada em detectar sinais telemétricos antes do lançamento de mísseis e analisar trajectórias das ogivas.

Segundo a agência norte-coreana, um E-8C, também conhecido por ser capaz de monitorar de perto os movimentos norte-coreanos, sobrevoou a região do mar Amarelo durante o final de semana.

Os voos ocorrem após a especulação de que a Coreia do Norte poderia lançar mísseis, em actos provocativos contra os EUA.

"Estamos a monitorar de perto os movimentos militares da Coreia do Norte. No momento, não há sinais que indiquem movimentos provocativos iminentes da parte do Norte", afirmou um oficial sul-coreano, citado pela agência de notícias Yonhap.

De acordo com a agência, um avião RC-135W Rivet Joint dos EUA foi avistado a voar sobre a cidade de Incheon durante a manhã desta segunda-feira.

A aeronave norte-americana avistada é especializada em detectar sinais telemétricos antes do lançamento de mísseis e analisar trajectórias das ogivas.

Segundo a agência norte-coreana, um E-8C, também conhecido por ser capaz de monitorar de perto os movimentos norte-coreanos, sobrevoou a região do mar Amarelo durante o final de semana.

Os voos ocorrem após a especulação de que a Coreia do Norte poderia lançar mísseis, em actos provocativos contra os EUA.