EUA detêm vice-presidente da russa Novatek por evasão fiscal

  • Mapa Dos Eua
Florida - Um dos vice-presidentes do conselho de administração da Novatek, a maior produtora independente de gás natural da Rússia, Mark Gyetvay, foi preso nos Estados Unidos e acusado por um grande júri federal da Florida de evasão fiscal.

Segundo a agência noticiosa Interfax, Gyetvay é acusado de ter fugido aos impostos depois de esconder cerca de 93 milhões euros em contas no estrangeiro. 

Contactada pela Interfax, a Novatek adiantou que não recebeu nenhum pedido oficial das autoridades dos Estados Unidos ou de outros países a respeito de Gyetvay e garantiu que a detenção daquele responsável não afectará as actividades da empresa. 

Segundo a acusação, entre 2005 e 2016, Gyetvay terá participado num esquema para defraudar os Estados Unidos, ocultando a propriedade e controlo de activos substanciais no estrangeiro, deixando de registar ou de pagar impostos sobre milhões de dólares de renda. 

Entre 2003 e 2014, Gyetvay foi director financeiro da Novatek, tendo, a partir de 2010, sido eleito vice-presidente do conselho de administração da empresa.

Segundo a agência noticiosa Interfax, Gyetvay é acusado de ter fugido aos impostos depois de esconder cerca de 93 milhões euros em contas no estrangeiro. 

Contactada pela Interfax, a Novatek adiantou que não recebeu nenhum pedido oficial das autoridades dos Estados Unidos ou de outros países a respeito de Gyetvay e garantiu que a detenção daquele responsável não afectará as actividades da empresa. 

Segundo a acusação, entre 2005 e 2016, Gyetvay terá participado num esquema para defraudar os Estados Unidos, ocultando a propriedade e controlo de activos substanciais no estrangeiro, deixando de registar ou de pagar impostos sobre milhões de dólares de renda. 

Entre 2003 e 2014, Gyetvay foi director financeiro da Novatek, tendo, a partir de 2010, sido eleito vice-presidente do conselho de administração da empresa.