Ex-presidente francês Sarkozy condenado a 3 anos de prisão

Paris - O Tribunal de Justiça de Paris condenou o ex-presidente Nicolas Sarkozy a três anos de prisão, dos quais dois deles são em condicional.

Com isso, Nicolas Sarkozy tornou-se o primeiro ex-presidente francês a ser condenado à prisão.

O ex-presidente francês, Sarkozy, de 66 anos de idade, foi condenado por corrupção e tráfico de influência com relação ao "caso de escuta telefónica".

A apreciação do caso, referente a 2014, decorreu entre Novembro e Dezembro de 2020. O Ministério das Finanças da França exigiu uma sentença de quatro anos de prisão, dois deles em condicional.

O ex-presidente negou repetidamente as acusações. Durante o julgamento, até chegou a afirmar jamais ter cometido qualquer acto de corrupção e nunca ter usado a sua posição presidencial a seu favor.

Nicolas Sarkozy governou a França entre os anos de 2007 a 2012.

 

Com isso, Nicolas Sarkozy tornou-se o primeiro ex-presidente francês a ser condenado à prisão.

O ex-presidente francês, Sarkozy, de 66 anos de idade, foi condenado por corrupção e tráfico de influência com relação ao "caso de escuta telefónica".

A apreciação do caso, referente a 2014, decorreu entre Novembro e Dezembro de 2020. O Ministério das Finanças da França exigiu uma sentença de quatro anos de prisão, dois deles em condicional.

O ex-presidente negou repetidamente as acusações. Durante o julgamento, até chegou a afirmar jamais ter cometido qualquer acto de corrupção e nunca ter usado a sua posição presidencial a seu favor.

Nicolas Sarkozy governou a França entre os anos de 2007 a 2012.